COXAnautas - Coritiba Eternamente

9

20/10, 14h15 | Bola de Couro | Felipe Rauen

Difícil, mas possível.

Ontem, contra o Atlético Nacional, o Coritiba jogou bem, e em certos momentos até muito bem, durante aproximadamente ¾ do jogo. Infelizmente, talvez por despreparo psicológico, entrou em campo respeitando demais o adversário, temendo-o em verdade, e por aproximadamente quinze minutos nos assustamos, pois parecia que o adversário seria incontrolável e nos levaria a uma derrota massacrante.

Mas não foi assim, especialmente após a expulsão de um dos adversários, deficiência que o Coritiba soube explorar. Tivemos mais chances de gol, notadamente uma perdida pelo Juan por caprichar demais na pontaria, e outra em razão de uma defesa milagrosa do goleiro adversário. Enfim, jogamos em alguns momentos de igual para igual e em outros melhor do que o adversário, um excelente time, mas que não é o “bicho papão” que temíamos.

Jogasse o Coritiba assim metade das partidas que perdemos ou das que empatamos em casa, e certamente estaríamos disputando outros lugares na classificação. Se nós temos potencial para mostrar o que jogamos em grande parte do jogo de ontem, com entender alguns resultados bisonhos no campeonato nacional? Como entender a quase apatia e péssima apresentação no atletiba? O futebol às vezes tem mistérios que a nossa vã filosofia não alcança.

Destaques para a atuação do Kazin, que desta vez lutou e jogou com inteligência, para o Benitez e o Iago, este se notabilizando por fazer gols decisivos. E mais uma vez, assim como ocorreu nos jogos contra os argentinos, o grande nome foi o Nery Bareiro, o leão guarany.

Destaque negativo para o Raphael Veiga, que parece ser uma estrela fugaz que acendeu e ascendeu rapidamente, mas tanto quanto rapidamente está descendo e se apagando, ou pelo menos está desinteressado desde que recebeu propostas de clubes do centro do país. Ambas as hipóteses recomendam que seja negociado. Se não é o que pareceu ser, não interessa. Se estiver fazendo “corpo mole” desde que visado por outros clubes, também não interessa.

Destaque preocupante para o Lucas Claro. Continua lento e atrapalhado.

Ah, e destaque positivo para a torcida do Coritiba, que incentivou o time do primeiro ao último minuto. Foi decisiva para a recuperação da equipe.

Enfim, cotejados os aspectos do jogo os positivos são maiores e nos dão alguma esperança de bom resultado na Colômbia. Digo alguma, pois não será nada fácil e o adversário, pela qualidade e por jogar em seus domínios e com apoio da torcida, é o favorito. Teremos que ter uma jornada épica, com qualidade, inteligência e muita bravura. É difícil, mas não impossível.

Enquanto isso, que o Coritiba não esqueça que deve fugir do fantasma do rebaixamento e ter o jogo contra o Fluminense como prioridade.

Debate

  • "O que precisamos é foco. Se algum atleta perde o foco, infelizmente, deve sair. Por melhor que seja, o Veiga já fez a sua escolha. Cumprir o contrato com a cabeça fora daqui? Não sei até que ponto vale a pena, por mais que tenha sido decisivo em alguns momentos. Enfim, a comissão técnica que defina, conversando com o atleta."

    Mauricio D. | 21/10, 09h35

  • "Que o Raphael Veiga tem um ótimo futebol nós já confirmarmos. Porém, depois das propostas de outros times aceitas, cresceu o olho e ele não pensa mais no COXA. Nada mais justo que sacá-lo do time, tendo em vista que não tem mais interesse em defender nossas cores."

    Carlos M. | 21/10, 08h15

  • "Caro Rauem, Difícil, mas possível desde que seja bem escalado.Seria uma boa opção escalar os mesmos atletas que terminaram a partida.Não sei o motivo de Kléber não querer mais jogar. Departamento médico já o liberou, treinador também já conversou com o atleta mas, a negativa de atuar foi confirmada. Não sei se é por motivos de salários atrasados, mas a Diretoria que tome medidas para contar com o reforço de Kléber. Durante a transmissão da TV, comentarios sobre a contratação do Veiga perante o Palmeiras. Isso explicaria a queda de rendimento do atleta.Também esta sob negociação pelo mesmo Clube o atleta Juninho.Então, na minha opinião, estes atletas deveriam ser sacados do elenco, já que manifestaram suas vontades de jogar no Palmeiras."

    geraldo w. | 20/10, 21h11

  • "Gostaria ainda de dar um destaque especial a um jogador que chegou desacreditado e que a cadajogo vem mostrando um futebol de primeira. Nery Bareiro é um excelente zagueiro, marca, desarma, apoia, faz gols, tudo com muita garra."

    Sérgio N. | 20/10, 21h06 | Móvel

  • "A diferença deste Coritiba para o de outras partidas pode ser explicada pelas características dos adversários. Esse time do Nacional é muito bom e joga pra frente e, consequentemente deixa jogar. Tem bom meio de Campo e ataque, mas o sistema defensivo é falho, individualmente até, visto que ganhamos muitas bolas em cruzamentos, com a expulsão,eles acabaram se perdendo ainda mais e o Coritiba, com apoio da torcida, foi pra cima com muita garra até conseguir seu gol, forçando o adversário a amarrar o jogo pra não sair derrotado. No brasileiro não é bem assim . Enfrentamos adversários bem inferiores tecnicamente, que muitas vezes jogam um jogo feio, pra não perder, caso de inter e Figueira, onde o time tem que penar muito pra criar jogadas de ataque"

    Sérgio N. | 20/10, 20h59 | Móvel

  • Ver todos os comentários (18)

Comente também!

Apenas torcedores cadastrados e verificados podem comentar. faça seu login aqui.

Equipe COXAnautas

O Blog

O nome “Bola de Couro” serve para revelar a geração do autor, que acompanha o Coritiba desde o tempo em que elas eram efetivamente de couro natural, e não sintéticas como hoje. Além de estar atento ao futebol moderno, especialmente graças à tecnologia que tornou o mundo uma aldeia global, o blog de vez em quando trará algumas reminiscências das tantas glórias de que o Coritiba é coberto e que estão mais na memória de cada um do que em imagens físicas, atendendo também a um nicho da “velha-guarda” de Coxanautas que se manifestou desde a primeira coluna do autor. Mas todos, de qualquer geração, serão bem-vindos a colaborar e criticar em espaço que se pretende democrático.

O Autor

Benedito Felipe Rauen Filho, conhecido como Felipe Rauen, é coxa-branca de terceira geração, pois tanto seu avô como seu pai também o eram. Em parte da infância e da juventude morou na rua Maria Clara, a cem metros do estádio do Coritiba, do qual desde casa sentia o "cheiro". Transferiu residência para o Rio Grande do Sul em 1976, onde iniciou carreira como Juiz de Direito, hoje aposentado. Está aculturado naquele Estado em vários aspectos, mas jamais no futebol, pois não adotou time local e torce somente para o Coritiba. É conhecido em todos os círculos que frequenta em terras gaúchas como coxa-branca, conseguindo que inúmeros amigos gremistas e colorados tenham o Coritiba como segundo time ou pelo menos mostrem por ele simpatia. Desde fevereiro de 2.009 é Cônsul do Coritiba em Porto Alegre. Cardiopata, dá trabalho regular ao cardiologista em razão das emoções vividas com e pelo Coritiba, mas tem certeza de que o coração coxa-branca se manterá forte ainda muito tempo para ver o clube alcançar mais e mais glórias.

Bolão

Melhores Sócios COXAnautas

21º Jackson M. Jeranoski 269 pts.
30º Disney U. 254 pts.
40º J. Mario 245 pts.
51º Rui Valente 232 pts.
200º VALCIR C. 21 pts.
222º Leopoldo J. 13 pts.
262º Antenor A. 7 pts.

Ver classificação completa

COXAnautas - Coritiba Eternamente

1996-2017 © COXAnautas - Portal da torcida do Coritiba
Desenvolvido por Race Internet