COXAnautas - Coritiba Eternamente

4

07/01, 15h06 | Coração Verde e Branco | João Luiz Albuquerque

O Coritiba em 2017.

Finalmente houve a reapresentação do elenco do Coritiba, o qual agora realiza exames e depois segue para Foz do Iguaçu para a famigerada pré-temporada.

Neste período sem bola rolando, o Coxa contratou, dispensou, teve jogador especulado, negociou e não deu certo, enfim, a loucura de todo ano e que é normal em qualquer clube. Neste texto vamos tentar deixar todas as informações um pouco mais redondas e obviamente colocar minha opinião a respeito do tema, mas antes de começarmos, precisamos ter em mente algumas coisas:

O time está sendo montado do modo que o Carpegiani quer, ou seja, os jogadores contratados devem possuir as características que ele pede;
Carpegiani quer um time rápido na frente e com laterais defensivos, isso por si só explica muita coisa;
O Coritiba segue sofrendo problemas financeiros, deste modo, jogadores caros devem sair e o teto deve ser respeitado.


Defesa

Conforme dito acima; Carpegiani quer um time veloz na frente e com poder de marcação atrás, por isso os laterais e volantes deverão ter forte poder de marcação. Bons laterais evitarão que ele transforme um ótimo zagueiro, como Juninho, por exemplo, em um lateral “meia boca”.

Infelizmente isso também explica a não utilização de Carlinhos, que apoia muito bem, mas acaba deixando espaço para contra ataque.

A chegada de Willian Matheus deve culminar com o retorno de alguém da posição em nossa lateral esquerda, afinal, foi um pedido do treinador. Na direita, Dodô vai disputar posição com Rodrigo Ramos, que retornou da Liga Norte Americana.

Agradou-me muito a contratação do volante Jonas, atleta de muita pegada, mas que precisará de um bom trabalho psicológico para evitar expulsões desnecessárias. Outro volante que me agradou muito foi Matheus Galdezani, que tem bom passe e pode ajudar na saída de bola.

Estou muito empolgado com a chegada dos dois volantes e acredito que serão não apenas contratações, mas reforços e, junto com Alan Santos, farão um ótimo trabalho.

Com a chegada desses jogadores, João Paulo e Edinho, devido aos altos salários, devem ser emprestados.

A defesa deverá contar ainda com Romércio e Geovane como opções para PCC.

Meio Campo
Aqui está, em minha opinião, o problema de nosso atual elenco. Com as saídas de Veiga, Gonzalez e Juan, ficamos apenas com Thiago Lopes, que deverá ser usado como lateral, Kady e Ruy, que não apresentaram futebol suficiente para assumirem a responsabilidade pela armação das jogadas e Yan, que tem moral com o treinador, como meias criativos e o recém contratado Thiago Real, jogador formado no Coritiba que rodou por diversas equipes sem mostrar futebol em nenhuma delas. A meu ver, uma contratação, muito, mas muito equivocada.

Importante citar que tanto Juan quanto Gonzalez receberam uma proposta do Coritiba. Juan, com uma proposta igual ao contrato atual, e Gonzalez com redução de salários e pagamento por produtividade, algo extremamente justo, devido à altíssima quantidade de lesões do jogador.

Outra informação que chegou até mim é que a esposa de Gonzalez não teria se adaptado ao Brasil e queria voltar para a Venezuela. Isso explicaria porque ele fechou com o La Guaira e não com outro interessado.

Ataque
Acredito que nossa linha de frente deverá contar com Rildo Kleber e Neto Berola (assim que este reúna condições de jogo).

A saída de Kazim se deu pelo alto salário. Eu gostava muito do gringo e acreditava que ele renderia muito em 2017 após a pré-temporada, mas tenho consciência dos valores e da situação financeira do clube e entendo a decisão. Desejo toda a sorte do mundo ao Kazim, mas acho que ele escolheu o time errado para jogar.

Ainda como opções para o ataque, com o empréstimo de Evandro para o Red Bull e Rafhael Lucas para o Mirassol, temos Lago e torço muito para que Gustavo Mosquito e Índio recebam chances com Carpegiani.

Apostas ou burradas anunciadas?
As contratações de Werley, Marcio, Leo Santos, Thiago Real e Yilmar Filigrana me soaram muito estranhas e, sinceramente, não gosto da ideia de nos livrarmos de um monte de tiriças e enchermos novamente a prateleira com jogadores sem condições de vestirem a camisa de um clube de primeira divisão. Torço muito para que sejam gratas surpresas e não novas versões de Conceição, Felipe Amorin, Bernardo e Braguinha, mas sinceramente não consigo entender como dois zagueiros que não se firmaram em lugar algum, um atacante reserva da segunda divisão colombiana, um meia/atacante reserva do Náutico e um meia, revelado na casa, que rodou por diversos clubes sem se firmar ou deixar saudade em nenhum e que foi contemplado com a titularidade no Troféu Bola de Lata, concedido aos piores jogadores do ano (no caso, 2016) podem ser úteis ao Coritiba.

As perguntas que ficam são:
Carpegiani aprovou as contratações?
Essas contratações passaram pelo UNIFIC?
Foram contratados com que custo?
Vieram por qualidade ou como favor para alguém?

Especulações e negociações
Thiago Longuini – meia – a informação que tive aqui em Santos é de que Dorival Jr. pretende utilizar o atleta em 2017;
Henrique Almeida – atacante – entre Coritiba e Grêmio já estaria tudo acertado, porém, os empresários do jogador teriam preferência por tentar colocar o jogador em times do eixo;
Matías Suarez – meia – o que chegou até mim seria que Coritiba, Belgrano e atleta teriam chegado a um acordo, mas de repente o jogador decidiu que queria vir apenas no meio do ano;
Ricardo – volante – destaque no Luverdense, o Coritiba aguarda uma resposta do jogador. O que me foi passado é que a data limite teria sido ontem;

O Coritiba deve tomar muito cuidado. Se ele está se desfazendo de jogadores caros, em sua grande maioria que não apresentaram resultados satisfatórios, não adianta repor esse monte de tiriças caras com outro monte de tiriças. Lembrando que um atleta que venha com custo de R$ 1, se não der resultado, custou caro, visto que o dinheiro foi desperdiçado e ele acaba por tomar o lugar de alguém da base.

Esse período de entressafra entre o fim do Campeonato Brasileiro e o início do Estadual é muito profícuo em boatos, afinal, os jornais precisam continuar vendendo e as rádios transmitindo. Adicione-se a isso, o dinamismo do futebol, o que faz com que todo um cenário seja alterado em 20 minutos. É importante frisar que muita gente cria boatos com intuito de valorizar um jogador, por haver entendido errado uma informação ou pelo simples prazer de criar confusão, o que é agravado pela velocidade de compartilhamento das redes sociais e do whatapp.

Tenho certeza de que ainda teremos saídas e chegadas no Coritiba e muito provavelmente a semana que vem trará novidades, as quais espero se sejam boas, e não, uma nova sensação de dormir sonhando com a chegada de Suarez e acordar com a confirmação de Thiago Real, algo que realmente acaba com o fim de semana de qualquer torcedor que se importe minimamente com o clube.

Saudações Sempre Alviverdes.

Debate

  • "Desculpe, parei de ler o texto no terceiro parágrafo. .. não está sendo montado da maneira que o carpegeani quer... inclusive já deu uma declaração dizendo que o time é a cara do coritiba e não a dele..."

    Luciano S. | 09/01, 10h14 | Móvel

  • "João, sua ótima análise demonstra que em 2017 teremos mais do mesmo, como sempre.
    A coluna do Tostãoestá ótima hoje e mostra como é a realidade nos clubes brasileiros hoje, onde predomina uma perniciosa onipresença de empresários:
    http://www1.folha.uol.com.br/colunas/tostao/2017/01/1847970-clubes-inflam-elencos-com-jogadores-mediocres-que-ficam-encostados.shtml"

    Carlos Becker | 08/01, 12h30

    • "Tostão sempre preciso.
      Muito obrigado Carlos."

      João A. | 09/01, 19h16

    • "Tostão denuncia a 'perniciosa' presença de empresários em todos os clubes do Brasil - mas no CFC transcende os limites da tolerância."

      J. Mario | 10/01, 12h02

  • "Ser torcedor coxa é sentir pressão desde o início da temporada. Obrigado, diretoria. Pois bem, então, vamos de Thiago Real e Rui, a dupla de repatriados."

    João B. | 08/01, 10h46

  • "Caro João. Inicialmente, parabéns pela coluna.

    A minha visão das coisas (também pautada em fofocas ouvidas) é que o clube está tão na merda que deve mil favores para vários empresários. Por isso que sempre temos jogadores desconhecidos que, segundo o discurso, "foram" observados.

    A minha verdade é que o Coritiba faliu faz tempo. O Atlético já nos superou há muito tempo. Recentemente, o Elizeu fez uma coluna dizendo sobre o planejamento que lá existe, algo que, até onde sei, é verdade. Exemplo disso, foi a recente publicação de um veículo informativo do estado que listava as maiores transaçoes de jogadores do PR. A diferença das vendas entre os times é vergonhosa para o Coxa.

    Enquanto reinar a mesma Aristocracia no comando do Coxa, não vejo melhoras. Já faz algum tempo, mas o outro colega colunista, Luis Berehulka, fez uma coluna citando nomes das pessoas que estavam no poder do Coritiba há muito tempo. Estranhamente, depois disso, ele diminuiu suas postagens até não escrever mais e essa coluna sumiu.

    Já não sei mais o que sentir: continuar sofrendo orcendo, acreditando que ainda possa existir uma luz no fim do túnel; ou simplesmente abandonar. Por enquanto, até por estar perdendo tempo escrevendo essa bíblia, ainda estou na primeira opção.

    SAV"

    Alisson M. | 08/01, 09h24

    • "Perfeito...bingo"

      Paulo J. | 08/01, 10h22 | Móvel

    • "Alisson, se a gente largar os bets transformam o Coxa em um guarani em 2 anos.
      Por isso a torcida é tão importante e a informação tem que ser jogada e distribuída ao máximo para tentar minimizar essa corja.
      Já, já tem eleições."

      João A. | 09/01, 19h23

  • "Torcemos para que o ano seja bom no amor, com nossas famílias, nas finanças, melhores trabalhos,muitos amigos, porquê esse ano futebolísticamente falando, em se tratando de Coritiba, depois dessa de Tiago Real, eu perdi a alegria de falar em Coritiba, se tinhamos uma base boa do ano passado em que carpegiane conseguiu revelar, como Benites joga nas duas laterais,barreiros,Amaral que no final foi melhor que JP e Edinho juntos no ano todo,mais Juan, Gonzales e que os bundões do cleina e pachequinho conseguiram esconder, simplesmente a diretoria renova com os mesmo se reduzir os salários,pra ficar com Edinho JP, Rui,paredes, Tiago Lopes e outras tiriças, é pra acabar,é temais o Kléber na primeira proposta que fizerem a ele, também vai embora, sem contar no Juninho,que por alguns trocados vai pro palmeiras com toda certeza, é hora de. Pensarmos se fecharmos pra balanço não seria melhor"

    olivio j. | 08/01, 04h49 | Móvel

  • Ver todos os comentários (40)

Comente também!

Apenas torcedores cadastrados e verificados podem comentar. faça seu login aqui.

Equipe COXAnautas

O Blog

O foco deste blog será o de oferecer ao leitor um espaço para discussão de temas, alegres, saudosistas e polêmicos. Uma conversa entre amigos, um papo por vezes descontraido e em outras incisivo, mas sempre apaixonado e com o mesmo tema, o amado Coritiba Foot Ball Club.

O Autor

Curitibano radicado em Santos, João Luiz é também conhecido por seus amigos como Johnny Coxa ou simplesmente Coxa. Começou a frequentar o Couto Pereira aos 6 anos de idade, na época levado pelo pai, e não parou mais, atualmente procura sempre carregar a família e amigos para o Alto da Glória.

Bolão

Melhores Sócios COXAnautas

21º Jackson M. Jeranoski 269 pts.
30º Disney U. 254 pts.
40º J. Mario 245 pts.
51º Rui Valente 232 pts.
200º VALCIR C. 21 pts.
222º Leopoldo J. 13 pts.
262º Antenor A. 7 pts.

Ver classificação completa

COXAnautas - Coritiba Eternamente

1996-2017 © COXAnautas - Portal da torcida do Coritiba
Desenvolvido por Race Internet