COXAnautas - Coritiba Eternamente

30 DIAS GRÁTIS DO CAMPEONATO PARANAENSE Em parceria com a DAZN, o site COXAnautas está oferecendo 30 dias gratuitos pra você assistir ao campeonato Paranaense de 2020. Clique aqui e faça seu cadastro gratuitamente.

10/03/19, 21h08 | Arquibancada | Sergio Brandão

Recuperando a autoestima

Fato é que o Coritiba não é tudo isso, como o Toledo também não foi ao vencer o primeiro turno, como o Atletico também não é a Alemanha ao fazer 8 no Toledo.

Circunstâncias do futebol que dizem muito pouco: as coisas podem apenas estar entrando nos eixos, mas ainda precisando melhorar muito, como afirmou o próprio treinador do Coritiba.

Não pelo resultado elástico, mas pela vitória convincente, mesmo que a gente leve em conta a limitação técnica do adversário, 4 X 0 foi até surpreendente, diante do que estavam nos oferecendo com aquele futebol medonho do primeiro turno.

Provocando os principais críticos de Thiago Lopes e M. Bueno, mesmo com muita má vontade, seguramente é preciso admitir que o meio ganhou em ofensividade e qualidade. E foi no primeiro fundamento que vinha errando muito: o passe que nos deu um time diferente.

O Coritiba foi mais corajoso e por isso mais perigoso na frente, propondo o jogo, buscando alternativas e achando muitas vezes. Resultado de treino, segundo o próprio Umberto Louzer.

Mesmo assim, acompanho muitos amigos comentaristas aqui do site. O histórico de anos, mais sofrendo do que tendo alegrias, nos coloca na condição do gato escaldado, inclusive lembrando a coincidência da goleada com o mesmo placar, contra o Foz, na abertura do primeiro turno e de insucessos que neste momento convém nem lembrar.

No vai a vem de sentimentos, do pessimismo ao otimismo, quero acreditar que no mínimo vencemos bem, de forma mais convincente pelo menos, e com esta vitória o Coritiba nos devolve um pouco da autoestima que nunca deveria ter sido perdida.

Debate

  • "Conversei com uma pessoa que presta serviços pro Coritiba, ele não recebe a 8 meses, diz que Samir é Chucro e Grosso, e que ninguém vai investir no Coxa enquanto ele estiver no poder.
    Temos que rezar pra passar logo o mandato dele e só assim as coisas vão melhorar.
    Com Samir não tem mais jeito! As portas se fecharam em todos os sentidos!
    Que mal que esse cara está fazendo pro Coritiba, e pior, o G5 tem influência em não deixar ele renunciar!"

    Mario E. J. | 18/03/19, 12h39

  • "Em tempo: quando falei em Argel e seu autores, caberiam aspas em "autores" – como forma de irônica referência à façanha de quem cometeu a irresponsável renovação do contrato daquele que havia decepcionado a todos nós em 2018."

    Luiz Roberto | 11/03/19, 19h48

  • "Mais a pergunta que não quer calar, como não ganhamos do toledo?
    Onten perderam de 8 a 2 pros Podleos, e o tal goleiro do toledo André que alguns acharam que tinha que vir pro coxa tomou 8 ,e o toledo jogou completo com Pacatu e cia.
    Vale lembrar que o Coxa na primeira partida do primeiro turno meteu 4 a 0 fora e depois foi um fiasco.
    Mas com certeza com o novo treinador devemos melhorar,faltam mais umas peças para reforçar o time,acredito que com 3 reforços pontuais podemos atingir nossos objetivos."

    luiz p. | 11/03/19, 16h46 | Móvel

    • "Vamos dar um tempo e crédito ao novo treinador que, apesar do elenco ser raquítico, já escalou e bem organizou o time na partida de estréia dele.
      Alguns reforços ainda? Com certeza e urgentemente. Concordo com o 'luiz p'."

      J. Mario | 11/03/19, 17h20

    • "Como não ganhamos do Toledo? Simples: contra nós, jogaram com duas linhas de cinco atrás do círculo central (aliás, todos os outros vêm assim procedendo no Couto: só quem não viu foi o Argel, juntamente com seus autores). Certo, xara?
      Claro, devíamos ter passado por cima, mas essa parte da história é para outro momento. Por ora, vai a explicação para os 8 X 2: ontem entraram feito "campeões", jogando aberto e sem preocupação em marcar, como se pudessem decidir a partida na hora que bem quisessem. Caso tivessem entrado assim contra nós, mesmo com a banda "Argel e os Protegidos" acabariam perdendo. De pouco, mas perdendo (ah, e seríamos nós os campeões da taça Barcímio). Muito ainda a melhorar. Abraço, xará."

      Luiz Roberto | 11/03/19, 19h28

    • "Eu ainda tenho um pé atrás com um time desse como o Toledo, que ontem, com o vice garantido, veio à Curitiba dar moleza para os poodles facilitando a sua chegada à final da Taça Flecha Loira! Não se iludam, pois mutreta no futebol profissional é prato do dia.
      Quanto a nós, posso dizer que foi uma boa vitória fora de casa, onde mesmo pegando um time fraco, como dizem os comentaristas da Transamérica, demoramos 39 minutos para abrir o placar. Sinal que tivemos dificuldades ou dificultamos as coisas para nós mesmos, perdendo algumas boas chances de abrir o placar.
      Quanto aos garotos Matheus Bueno e T. Lopes, acho que devem ter mais oportunidades e o apoio dos demais atletas (+ experientes), treinador, auxiliar técnico, preparador físico, etc., para que ganhem confiança e comecem a assumir seus papéis dentro do time COXA. SAV"

      Washington B. | 11/03/19, 19h55

  • Ver todos os comentários (36)

Comente também!

Apenas torcedores cadastrados e verificados podem comentar. faça seu login aqui.

Equipe COXAnautas

O Blog

Sou jornalista há mais de 30 anos. A profissão e a condição de torcedor, me fizeram aprender a policiar posições quando escrevo para tv ou rádio. Isso me desenvolveu muito o lado crítico. Costumo dizer que futebol é uma coisa e esporte é outra, bem diferente. Basicamente porque o futebol se transformou num produto da mídia e envolve muito dinheiro. O esporte amador, não. Sem dinheiro ele apenas sobrevive. É o caminho que o vôlei começou a tomar, por exemplo, mas ainda passa longe de ser o sucesso que é o futebol. Gosto de escrever sobre os dois: esporte e futebol. Jornalismo é minha profissão, o Coritiba minha paixão. Será um prazer estar aqui com vocês falando sobre tudo isso.

O Autor

O Coritiba está na minha alma, muito mais até que no coração. Aprendi a gostar de futebol assim, de alma e também de coração. Sou do tempo do Belfort Duarte, hoje Couto Pereira. Isso foi no início dos anos 60. De lá nunca mais saí. Na década de 70, o Coritiba me conquista definitivamente, quando montou times inesquecíveis, várias vezes campeão. Período que passei a frequentar programas de rádio para tentar ficar o mais próximo que podia do futebol. Foi a época de Dirceu Graeser, no famoso"Viva o Futebol", na Rádio Clube, depois Rádio Cruzeiro. Foi o meu começo nos meios de comunicação. Vivo do jornalismo há mais de 30 anos, dedicados ao Rádio e principalmente televisão. Hoje sou muito mais da arquibancada. Sou mais torcedor e menos jornalista, principalmente quando o assunto é Coritiba.

Bolão Brasileiro

Melhores Colocados

Notícias em Destaque

Veja aqui todas as notícias

Anuncie sua empresa aqui a partir de R$9,90 mensais!

Comparação com mais de 30 bookmakers!

Encontre o melhor bookie para apostadores brasileiros em casa-de-apostas.com.

 

Colunistas e Opinião

COXAnautas - Coritiba Eternamente

1996-2020 © COXAnautas - Portal da torcida do Coritiba
Desenvolvido por Race Internet