COXAnautas - Coritiba Eternamente

31/05, 08h33 | Bola de Couro | Felipe Rauen

Conscientização.

O confrade Sérgio Brandão escreveu hoje sobre a necessidade de os atletas do Coritiba mostrarem doação em campo. Com toda razão e o seu texto mostra isso.

Mas parece-me que outro quesito é necessário no Coritiba atual, desde os dirigentes até os jogadores.

Refiro-me à conscientização de que temos um time não mais que mediano e que sabedor disso deveria saber jogar sem pensar que é o maior clube dentre os que disputam a segunda divisão o que por si só seria suficiente.

O Coritiba tem história, tradição, conquistas importantes, mas é ser repetitivo dizer que não é mais o mesmo. Se futebol é momento, como gostam de dizer os cronistas esportivos, o momento é muito ruim para nós, rebaixados e assim mantidos no ano passado, com um dos piores times da nossa história.

Pouco nos respeitam, recebemos o anúncio de que temos caixa para sustentar o time somente até setembro, contratações equivocadas continuam sendo feitas e assim vamos nesta senda de sofrimentos.

Restou de grande somente a torcida, como está mostrando nos primeiros jogos do campeonato e espero que assim continue para empurrar o time de volta a melhor cenário.

Com razão disse-me o amigo e jornalista Eduardo Nunes em troca de mensagens:

Tenho a impressão de que há um clima de soberba no Coritiba. Volta e meia é possível flagrar a expressão 'time grande' no discurso de atletas e treinadores. Tenho pra mim que o Coritiba deveria trabalhar com mais foco e estratégia. Essa cultura do 'time grande' não ajuda, não ganha jogo. Ao contrário. Tenho a percepção de que atrapalha; de que alguns jogadores se apegam a essa cultura e pensam que vão ganhar naturalmente. Não respeitam adversários de nível Série B, como o CRB e o Londrina, por exemplo. O resultado todos sabemos”.

O time é melhor do que o do ano passado, se diz. Com efeito é, mas não é muito difícil ser melhor do que aquele amontoado que tivemos. Isso não afasta a necessidade de conscientização de que ainda é no máximo mediano e muita grama tem que comer para chegar à conquista do retorno à elite do futebol. Espero que a boa apresentação contra o Cuiabá seja um indício de recomeço consciente.

*************************************************************************

Dedico a coluna ao amigo e grande coxa-branca Alvaro Rosa, que convalesce de delicadíssima cirurgia. Ao Alvaro votos de plena recuperação e que o Coritiba volte a dar as alegrias que nós dois vivemos.

Debate

  • "Reputação não se ganha e nem se perde da noite para o dia, mas como ninguem tem nos respeitado significa que perdemos muita reputação.

    Esse resgate está em se ter bons nomes no time. Wilson, Rafinha e Rodrigão dão status ao time. João Vitor pelo rodagem e Matheus Sales e até mesmo o Patrick Brey trazem respeito pelos times de onde vieram. Mas ainda precisamos fortalecer o time. Quem respeita um time com Romercio e Wilian Matheus?"

    Gerson Lima | 03/06, 17h13

  • "No quesito futebol apresentado em campo, penso que o times atual é bem melhor do que o timeco do ano passado.

    O grande desafio atual é alguém lá dentro, ou o próprio técnico, assumir que o time é muito mal escalado. E as substituições são péssimas. No mínimo para quatro (4) jogadores titulares e protegidos têm no banco substituições que trariam muita melhora. O Luiz Henrique por exemplo não deveria ser titular? As outras barbaridades todos nós temos conhecimento e somos obrigados assistir este show de horrores semanal."

    Admir Rosa | 01/06, 13h20 | Móvel

  • "É realmente o time de maior nome na série B, o problema é o time montado"

    Rafael | 31/05, 19h22 | Móvel

  • "Perfeito. Assino embaixo."

    Fábio S. | 31/05, 17h14

  • "Os nossos adversários não encaram o nosso time como grande e, no meu entender, nem o dirigentes, como podemos observar no nível das contratações. O time grande diz mais respeito aos torcedores mais antigos, saudosos dos tempos de outrora. Quem deveria tomar consciência seriam os dirigentes, pois, com poucos reforços de qualidade, facilitaríamos sobremaneira o retorno ao grupo de elite."

    Tadeu A. | 31/05, 16h23

  • Ver todos os comentários (10)

Comente também!

Apenas torcedores cadastrados e verificados podem comentar. faça seu login aqui.

Equipe COXAnautas

Mais colunas de Felipe Rauen

O Blog

O nome “Bola de Couro” serve para revelar a geração do autor, que acompanha o Coritiba desde o tempo em que elas eram efetivamente de couro natural, e não sintéticas como hoje. Além de estar atento ao futebol moderno, especialmente graças à tecnologia que tornou o mundo uma aldeia global, o blog de vez em quando trará algumas reminiscências das tantas glórias de que o Coritiba é coberto e que estão mais na memória de cada um do que em imagens físicas, atendendo também a um nicho da “velha-guarda” de Coxanautas que se manifestou desde a primeira coluna do autor. Mas todos, de qualquer geração, serão bem-vindos a colaborar e criticar em espaço que se pretende democrático.

O Autor

Benedito Felipe Rauen Filho, conhecido como Felipe Rauen, é coxa-branca de terceira geração, pois tanto seu avô como seu pai também o eram. Em parte da infância e da juventude morou na rua Maria Clara, a cem metros do estádio do Coritiba, do qual desde casa sentia o "cheiro". Transferiu residência para o Rio Grande do Sul em 1976, onde iniciou carreira como Juiz de Direito, hoje aposentado. Está aculturado naquele Estado em vários aspectos, mas jamais no futebol, pois não adotou time local e torce somente para o Coritiba. É conhecido em todos os círculos que frequenta em terras gaúchas como coxa-branca, conseguindo que inúmeros amigos gremistas e colorados tenham o Coritiba como segundo time ou pelo menos mostrem por ele simpatia. Desde fevereiro de 2.009 é Cônsul do Coritiba em Porto Alegre. Cardiopata, dá trabalho regular ao cardiologista em razão das emoções vividas com e pelo Coritiba, mas tem certeza de que o coração coxa-branca se manterá forte ainda muito tempo para ver o clube alcançar mais e mais glórias.

Classificação Brasileiro 2019

Bragantino 19
Botafogo-SP 16
Londrina 16
Ponte Preta 15
Sport 15
Atlético-GO 14
Paraná 13
Figueirense 13
Coritiba 12
10º Oeste 11
11º CRB 10
12º Vila Nova 10
13º Brasil de Pelotas 9
14º Criciúma 9
15º Cuiabá 8
16º São Bento 7
17º Operário 7
18º América-MG 5
19º Guarani 5
20º Vitória 4

Bolão Brasileiro

Melhores Colocados

Hedy G. 80 pts.
Ido M. F. 78 pts.
Antonio Alvaredo Filho 76 pts.
Marcelo Carneiro 74 pts.
Leandro R. 73 pts.
Leonel S. 72 pts.
Dorvalino J. 72 pts.
Alysson Delalibera 70 pts.
Sanderson 70 pts.
Jose R. 70 pts.
Luis Henrique R. 70 pts.
12º Valdir T. 69 pts.
13º João L. 68 pts.
14º Vinicios A. 67 pts.
Aramis Vieira 67 pts.
Wellingtton Wellingtton 67 pts.
L. Comeli 67 pts.
18º Walber Gonçalves de Queiroz 66 pts.
19º Jobson Emanoel 65 pts.
20º Andre T. 65 pts.
Johney S. 65 pts.
22º Valdir 64 pts.
23º Juarez Mocelin 64 pts.
24º Johnny F. 63 pts.
25º Jose Carlos R. 63 pts.
26º Daniel G. 63 pts.
27º Ricardo Honorio 63 pts.
28º C. Nunes 62 pts.
29º andre a. 62 pts.
30º Ézio Ricardo 61 pts.

Ver classificação completa

Notícias em Destaque

Veja aqui todas as notícias



Líderes do bolão:
1º Hedy G.
2º Ido M. F.
3º Antonio Alvaredo Filho
4º Marcelo Carneiro
5º Leandro R.

(os 5 primeiros ganharão uma camisa oficial do Coritiba)

Colunistas e Opinião

COXAnautas - Coritiba Eternamente

1996-2019 © COXAnautas - Portal da torcida do Coritiba
Desenvolvido por Race Internet