COXAnautas - Coritiba Eternamente

16/06, 12h11 | Bola de Couro | Felipe Rauen

Lembranças

Vou aproveitar o hiato da Copa América para mostrar aos amigos lembranças do da história do Coritiba. Tenho pesquisado e encontrado excelentes registros. Para quem frequenta o Facebook, indico o grupo "Futebol de Antigamente em Curitiba".

Antigamente disputava-se a Taça Brasil, com um time representante de cada Estado e definição regional sobre qual deles avançaria na disputa.
Em 1960 Coritiba enfrentou o Grêmio Porto-alegrense em três partidas e uma prorrogação, com resultados de 1 x 1 em Curitiba, 3 x 3 e e 1 x 1 em Porto Alegre. Diante dos empates, o último jogo teve prorrogação, que resultou em novo empate em 0 x 0. A força política dos gaúchos fez com que o terceiro jogo também ocorresse em Porto Alegre.
Na época ninguém pensou na solução da disputa dos pênaltis - mais justa - e a passagem do time para a outra fase foi decidida através da moeda, lançada ao ar pelo presidente da Federação Gaúcha de Futebol. O Coritiba pediu "cara" e a moeda caiu com a face "coroa".
Na foto, Arion Cornelsen abre os braços olhando para a moeda que nos desclassificou, tendo ao seu lado Miguel Chechia.
Time base do Coritiba: Hamilton, Nico e Carazzai; Julinho, Bira (Bequinha) e Guimarães; Miltinho, Chico, Oda, Duílio e Ronald. Na época não eram permitidas substituições e no último jogo Chico atuou em grande parte do tempo lesionado.

Debate

  • "Bela lembrança! Pelo visto nossa zica vem de tempos mesmo.
    Aqui no Alto da Glória temos um sapo enterrado. Renaldo perde penalti (nunca havia perdido...perdeu 2 no mesmo jogo!!), somos rebaixados com gol no finalzinho, somos rebaixados em 2005 devido a vitória do São Caetano contra o Cruzeiro em MG, jogadores que enchem o DM a todo ano, tiriças que aqui não jogam nada mas que em outros clubes até despontam (Lima no time lá de baixo por exemplo), a perda dos títulos da CB, etc... isto é o que minha pouca memória lembra... de "sorte" tenho poucas lembranças..
    Claro que temos um azar desgraçado, mas a principal culpa de tudo isto é a incompetência da gestão Coxa nos últimos anos..."

    Johnny F. | 17/06, 20h57

  • "Dia destes, numa roda de amigos e conhecidos, OCORREU A SEGUINTE SITUAÇÃO: O Coritiba teria uma história completamente diferente (pra melhor) se tivesse feito apenas 4 GOLS A MAIS, todos contra o VASCO DA GAMA, em jogos específicos... INCRÍVELMENTE SIMPLES...
    - Em 1979, na semifinal contra o Vasco, mais 2 gols para ir a final e a Libertadores...
    - Em 1989, em SÃO JANUÁRIO, no jogo em que o MAZINHO rasgou a camisa do KAZU dentro da área, UM gol nos daria a Vitória, que abriria 3 pontos sobre o próprio Vasco e acabava com a história do JOGO DE JUIZ DE FORA, LIMINAR, CANETADA...
    - Em 2012, com UM gol a mais, era CAMPEÃO DA COPA DO BRASIL e de quebra, Libertadores..."

    Mauricio D. | 17/06, 15h58

    • "A história é construída por CIRCUNSTÂNCIAS... Mas, a competência é o nosso maior problema hoje..."

      Mauricio D. | 17/06, 16h00

  • "Espero um dia ver o Coritiba protagonista de novo"

    Rafael | 17/06, 09h26 | Móvel

  • "Parabéns pela lembrança desses jogos memorareis. Se não estou enganado, o nosso técnico era o Hortencio de Souza, mas não tenho certeza. Muito justa a lembrança do Arion Cornelsen. Com o Bolo Esportivo, ele reconstruiu o então Belfort Duarte, que tinha arquibancadas de madeira."

    Arno Ombrellino | 17/06, 07h18

  • Ver todos os comentários (18)

Comente também!

Apenas torcedores cadastrados e verificados podem comentar. faça seu login aqui.

Equipe COXAnautas

Mais colunas de Felipe Rauen

O Blog

O nome “Bola de Couro” serve para revelar a geração do autor, que acompanha o Coritiba desde o tempo em que elas eram efetivamente de couro natural, e não sintéticas como hoje. Além de estar atento ao futebol moderno, especialmente graças à tecnologia que tornou o mundo uma aldeia global, o blog de vez em quando trará algumas reminiscências das tantas glórias de que o Coritiba é coberto e que estão mais na memória de cada um do que em imagens físicas, atendendo também a um nicho da “velha-guarda” de Coxanautas que se manifestou desde a primeira coluna do autor. Mas todos, de qualquer geração, serão bem-vindos a colaborar e criticar em espaço que se pretende democrático.

O Autor

Benedito Felipe Rauen Filho, conhecido como Felipe Rauen, é coxa-branca de terceira geração, pois tanto seu avô como seu pai também o eram. Em parte da infância e da juventude morou na rua Maria Clara, a cem metros do estádio do Coritiba, do qual desde casa sentia o "cheiro". Transferiu residência para o Rio Grande do Sul em 1976, onde iniciou carreira como Juiz de Direito, hoje aposentado. Está aculturado naquele Estado em vários aspectos, mas jamais no futebol, pois não adotou time local e torce somente para o Coritiba. É conhecido em todos os círculos que frequenta em terras gaúchas como coxa-branca, conseguindo que inúmeros amigos gremistas e colorados tenham o Coritiba como segundo time ou pelo menos mostrem por ele simpatia. Desde fevereiro de 2.009 é Cônsul do Coritiba em Porto Alegre. Cardiopata, dá trabalho regular ao cardiologista em razão das emoções vividas com e pelo Coritiba, mas tem certeza de que o coração coxa-branca se manterá forte ainda muito tempo para ver o clube alcançar mais e mais glórias.

Classificação Brasileiro 2019

Bragantino 42
Atlético-GO 38
Sport 38
Operário 35
Coritiba 34
CRB 33
Paraná 33
Botafogo-SP 32
Cuiabá 32
10º Ponte Preta 31
11º América-MG 29
12º Londrina 28
13º Brasil de Pelotas 28
14º Oeste 26
15º Vitória 24
16º Vila Nova 24
17º Criciúma 23
18º Guarani 22
19º Figueirense 22
20º São Bento 20

Bolão Brasileiro

Melhores Colocados

andre a. 180 pts.
Rupson F. 178 pts.
Leandro R. 173 pts.
Leonel S. 171 pts.
Marcelo Carneiro 171 pts.
Wellingtton Wellingtton 170 pts.
CARLOS AUGUSTO B. 166 pts.
Marcelo luczyszyn 165 pts.
Rui Valente 164 pts.
10º Ricardo Honorio 162 pts.
11º Ido M. F. 160 pts.
12º Hedy G. 159 pts.
13º Julio C. R. 158 pts.
14º Juarez Mocelin 157 pts.
15º Marcelo G. 156 pts.
Jose R. 156 pts.
17º Rodrigo P. 156 pts.
Alysson Delalibera 156 pts.
19º Job Grassi 155 pts.
20º L. Comeli 154 pts.
21º Robson R. 153 pts.
22º Gilmar Francisco das Chagas 153 pts.
23º Valdir T. 153 pts.
24º Antonio Alvaredo Filho 152 pts.
25º Admir Rosa 152 pts.
26º Aramis Vieira 150 pts.
27º L. G. Coltro 149 pts.
28º Vitor Guedes 149 pts.
29º Mauro S. 148 pts.
30º Walber Gonçalves de Queiroz 148 pts.

Ver classificação completa

Notícias em Destaque

Veja aqui todas as notícias



Líderes do bolão:
1º andre a.
2º Rupson F.
3º Leandro R.
4º Leonel S.
5º Marcelo Carneiro

(os 5 primeiros ganharão uma camisa oficial do Coritiba)

Colunistas e Opinião

COXAnautas - Coritiba Eternamente

1996-2019 © COXAnautas - Portal da torcida do Coritiba
Desenvolvido por Race Internet