COXAnautas - Coritiba Eternamente

20/10, 14h49 | Bola de Couro | Felipe Rauen

Mistérios.

Ontem, contra o modestíssimo Vila Nova, que não vence em casa há sei lá quanto tempo, o Coritiba teve – na bem-apanhada expressão de um leitor comentarista do site – mais sorte do que juízo.

Novamente uma exibição pífia, com erros que se repetem.

No primeiro gol sofrido uma reedição de muitos que temos tomado, ou seja, bola pelo alto sem que os nossos zagueiros saibam enfrentar. Dos zagueiros atuais o Sabino é o melhor, inclusive nas suas incursões ao ataque, mas no jogo aéreo deve muito. O Romércio, que vive a nos dar sustos, merece uma análise à parte.

No segundo gol do adversário, uma patuscada do suposto jogador de futebol Vítor Carvalho que, ao contrário do que pode parecer em uma primeira visão do lance, não perdeu a bola para o adversário, mas sim a entregou de bandeja, repetindo o que já fizera quando permitiu que o Londrina virasse o placar em jogo que parecia definido em nosso favor. Ele também merecerá uma observação logo adiante.

Na meia cancha o Mateus Sales ou desaprendeu ou foi contaminado pela ruindade do Vítor Carvalho, pois nada jogou e insistia em entregar a bola aos adversários. Um dos poucos acertos do Jorginho foi retirar os dois no intervalo.

Na frente, o Rodrigão, sempre com sobrepeso, há muito tempo está devendo e nos deixa em dúvida sobre qual o verdadeiro Rodrigão, o que encantou nos primeiros jogos ou o ineficiente e ausente dos últimos. Como diz o povo que a última impressão é a que fica...

O fato de que desde a vinda do Jorginho a campanha tem sido boa não pode ser justificativa para acreditar no time - mas torcendo sempre para que siga em frente mesmo aos trancos e barrancos – pois, ainda que vencendo ou empatando os últimos jogos, o time não desperta nenhuma confiança e nos deixa temerosos de que, quando enfrentamos os melhores da competição – ou até os medianos – o sucesso obtido nos últimos jogos, mais ao acaso, não se repita. É bom observar que nas últimas quatro partidas vencemos os clubes que estão em 13º, 19º e 20º lugar na classificação e ontem empatamos com o que ocupa a 18ª posição e que em casa venceu apenas uma(!) partida.

Mas dei à coluna um título que tenho que justificar.

Refiro-me ao mistério que sustenta as escalações do Vítor Carvalho e do Romércio. O primeiro, que há pouco renovou contrato por três anos, com direito a foto com o presidente, está, assim como o segundo, entre os denominados “pratas de casa”, jogadores que normalmente – não é o caso – despontam e permitem aos clubes boas receitas com suas negociações. Desde o reingresso dos dois no time a decadência técnica do Coritiba é visível. Não vejo explicação razoável, sabendo-se que Rafael Lima, ainda que não seja um primor é bem melhor do que o Romércio (o novato Nathan ainda não pudemos conhecer) e que como volantes temos o Luiz Henrique e o Mateus Bueno, que piores do que o indigitado Vítor Carvalho não são e nem podem ser. A resposta que me ocorre é somente tentativa de colocá-los na vitrine para negociação, ainda que com o custo do mau desempenho do time. Ou haveria outra?

Debate

  • "Isso tudo é acerto do Pastana com o fantástico presidente incrível chamado Samir Namur!! OH, câncro!!!!"

    Erodes B. | 23/10, 10h38

  • "Já falei e repito; esses dois prototipos de jogador de futebol tem como empresario algum diretor de futebol ou conselheiro. Com certeza."

    Roberto Fagundes | 21/10, 21h21

  • "cadê o batatudo para assumir e tirar dessa draga o nosso clube"

    Emerson Dos Santos | 21/10, 19h32 | Móvel

  • "pessoa lembrando dos últimos anos tem Henrique kerrisom Weverton Ribeiro Juninho Lucas Mendes e mais alguns nomes todos vendidos podemos até discutir os valores mas cadê o dinheiro e se voltamos um pouco no tempo tem Rafinha Adriano Miranda era pro club ta com uma situação financeira bem melhor então como podemos ver que vem de tempos essas mal administração do nosso clube então tem que ter dono mesmo"

    Emerson Dos Santos | 21/10, 19h29 | Móvel

  • "Interessante essa política de aproveitamento da base. Os bons normalmente não jogam e não ficam. Saem por valores irrisórios.
    Lembram do Mosquito ? do Rafael Veiga ? do Guilherme Parede ? Só pra lembrar os mais recentes.
    O que será dos que ainda não apareceram ? Yan Couto, Pablo Thomaz, Igor Jesus, Igor Paixão e outros?"

    Savino V. | 21/10, 16h16

    • "Sim, o Guilherme Parede estaria arrebentando hoje no Coritiba, maaaasssss... entregaram o cara de graça, praticamente... de graça para o clube, pois certamente rolou um pixuleco por debaixo..."

      Henrique J. | 21/10, 16h45

  • Ver todos os comentários (43)

Comente também!

Apenas torcedores cadastrados e verificados podem comentar. faça seu login aqui.

Equipe COXAnautas

Mais colunas de Felipe Rauen

O Blog

O nome “Bola de Couro” serve para revelar a geração do autor, que acompanha o Coritiba desde o tempo em que elas eram efetivamente de couro natural, e não sintéticas como hoje. Além de estar atento ao futebol moderno, especialmente graças à tecnologia que tornou o mundo uma aldeia global, o blog de vez em quando trará algumas reminiscências das tantas glórias de que o Coritiba é coberto e que estão mais na memória de cada um do que em imagens físicas, atendendo também a um nicho da “velha-guarda” de Coxanautas que se manifestou desde a primeira coluna do autor. Mas todos, de qualquer geração, serão bem-vindos a colaborar e criticar em espaço que se pretende democrático.

O Autor

Benedito Felipe Rauen Filho, conhecido como Felipe Rauen, é coxa-branca de terceira geração, pois tanto seu avô como seu pai também o eram. Em parte da infância e da juventude morou na rua Maria Clara, a cem metros do estádio do Coritiba, do qual desde casa sentia o "cheiro". Transferiu residência para o Rio Grande do Sul em 1976, onde iniciou carreira como Juiz de Direito, hoje aposentado. Está aculturado naquele Estado em vários aspectos, mas jamais no futebol, pois não adotou time local e torce somente para o Coritiba. É conhecido em todos os círculos que frequenta em terras gaúchas como coxa-branca, conseguindo que inúmeros amigos gremistas e colorados tenham o Coritiba como segundo time ou pelo menos mostrem por ele simpatia. Desde fevereiro de 2.009 é Cônsul do Coritiba em Porto Alegre. Cardiopata, dá trabalho regular ao cardiologista em razão das emoções vividas com e pelo Coritiba, mas tem certeza de que o coração coxa-branca se manterá forte ainda muito tempo para ver o clube alcançar mais e mais glórias.

Classificação Brasileiro 2019

Bragantino 75
Sport 68
Coritiba 66
Atlético-GO 62
América-MG 61
Paraná 56
CRB 55
Cuiabá 52
Botafogo-SP 50
10º Operário 50
11º Ponte Preta 47
12º Vitória 45
13º Guarani 44
14º Brasil de Pelotas 44
15º Oeste 41
16º Figueirense 41
17º Londrina 39
18º São Bento 39
19º Criciúma 39
20º Vila Nova 39

Bolão Brasileiro

Melhores Colocados

Rupson F. 327 pts.
andre a. 313 pts.
CARLOS AUGUSTO B. 309 pts.
Rui Valente 304 pts.
Leandro R. 295 pts.
Marcelo luczyszyn 294 pts.
Waldir Laska 291 pts.
Leonel Schunig 290 pts.
Ricardo Honorio 287 pts.
10º Marcelo G. 280 pts.
11º Luiz C. 277 pts.
12º Jose R. 274 pts.
13º alessandro k. 271 pts.
14º Hedy G. 270 pts.
15º Rodrigo P. 268 pts.
16º Juarez Mocelin 267 pts.
17º Marcio Cardozo 267 pts.
18º Mauro S. 264 pts.
19º Ido M. F. 263 pts.
20º Julio C. R. 259 pts.
21º Tiago L. 259 pts.
22º Carlos N. 258 pts.
23º Vitor Guedes 258 pts.
24º Valdir T. 257 pts.
25º Alysson Delalibera 256 pts.
26º Job Grassi 256 pts.
27º João L. 255 pts.
28º Walber Gonçalves de Queiroz 254 pts.
29º Gelson Roberto M. 254 pts.
30º Robson R. 253 pts.

Ver classificação completa

Notícias em Destaque

Veja aqui todas as notícias



Líderes do bolão:
1º Rupson F.
2º andre a.
3º CARLOS AUGUSTO B.
4º Rui Valente
5º Leandro R.

(os 5 primeiros ganharão uma camisa oficial do Coritiba)

Colunistas e Opinião

COXAnautas - Coritiba Eternamente

1996-2019 © COXAnautas - Portal da torcida do Coritiba
Desenvolvido por Race Internet