COXAnautas - com o Coritiba desde 1996

17/11, 11h38 | Bola de Couro | Felipe Rauen

Passaporte para o inferno.

Hoje não vou cansar os amigos e nem me desgastar na depressão que o Coritiba me causa, e serei breve. Discorrer sobre o jogo de ontem seria repetir o que tantas vezes eu e tantos dissemos.

Ontem o Coritiba conseguiu tirar - ou renovar - o seu passaporte para a segunda divisão. Se não consegue vencer em casa um time mediano como o do Bahia, nem mesmo saindo à frente do placar, o que poderá mostrar nos jogos que faltam no caminho para o inferno da segunda divisão, desta vez com consequências terríveis em considerando o que tivemos nos últimos quatro anos?

Só falta o visto de entrada no inferno, que parece a nossa direção mira com insistência quando aceita, sem interferir que, por exemplo, supostos jogadores como Filemon permaneçam no time.

Na “Divina Comédia” Dante Alighieri afirmou que na entrada do inferno havia um aviso: “Ó vós, que entrais, abandonai todas as esperanças”. Ainda não passamos a entrada, mas nos aproximamos com muita “vontade” dela. Se dela passarmos, a próxima direção que assumir o nosso clube terá uma tarefa ingrata e inglória, pois além do amargor da segunda divisão encontrará um clube endividado, sujeito às consequências do ato trabalhista caso não cumprido e outras.

Como dizia Nelson Rodrigues, o negócio é sentar no meio-fio e chorar.

PS. Perdoem o amargor, mas é como me sinto.

Debate

  • "Parabéns pelo texto Rauen, em meio as trevas que estamos vivenciando com nosso amado coxa, nesses tempos estranhos, bom saber que ainda existe vida inteligente entre nós coxabrancas, quem sabe fase a luz novamente, no alto de tantas glórias, ainda tenho esperança."

    Tajuro Y. | 21/11, 19h27

  • "Meu caro Rauen, não tem explicação pra esse zagueiro continuar jogando depois daquele coice em Goiania e das outras falhas que já teve. É lento, erra na saída de bola e tomou um corte que nem zagueiro de pelada leva. Lance clássico de que o zagueiro deve proteger o meio da defesa e deixar o lado de fora para o atacante, pois se o cara cortar pra dentro como fez, abre o ângulo todo e adeus... E no base tem Zagueiros muito melhores, mas parece ser costume preterir nossos jovens pra dar vaga pra refugo jogar. E daqui a pouco a molecada trocada por nada aparece na Europa e na seleção. Eu não tenho dúvidas de que é segunda divisão. Nosso clube traz jogadores desconhecidos pra preterir os da cas. Traz argentino que não faz gol desde 2017, colombiano que é reserva na segunda divisão, jogador da ponte que é reserva e por aí vai... Sempre dirigido por algum estagiário sem nenhum renome e com uma diretoria que num clube amador já teria apanhado no bar depois do jogo. triste fim..."

    Marcus C. | 18/11, 22h56

  • "Caro Dr. Rauen,

    Suas palavras descrevem a tristeza de todo (ou quase todo) Coxa Branca. Meus filhos já não tem mais interesse. As crianças já não são torcedores fervorosos. É uma VERGONHA (como dizia Boris Casoy).

    MAS, isso acontece pela FALTA DE REPRESENTATIVIDADE dessa gestão OMISSA, MEDÍOCRE, AMADORA, CURIOSA, PÍFIA, CRASSA, RIDÍCULA, SEM VERGONHA, SEM VISÃO, a cara do seu gestor (gestor??) principal Samir Namur, cara de bêbado sonolento.

    Estamos virando timeco de várzea. O guarani do sul.

    EI, SAMIR, PEDE PRA SAIR!!!!"

    Erodes B. | 18/11, 15h10

  • "Perfeito sua análise Dr. RAUEN. Foi muito difícil assistir essa nova derrota. Não vejo nenhuma luz no futuro da equipe nesse ano. Entendo que a equipe baiana não é muito diferente da nossa. A diferença maior e mais gritante estava na beira do gramado. Após os 20 minutos iniciais, Mano Menezes, modificou sua forma de marcação e dominou completamente nosso COXA. Se tivéssemos contratado um treinador experiente no inicio do ano, talvez nossa situação seria diferente. Sem técnico e com alguns jogadores fraquíssimos. assistimos nova derrota. A diferença maior estava nos treinadores."

    Arno Ombrellino | 18/11, 08h46

  • "Caso o Samir seja reeleito, teremos passado pelos portões do inferno. Pelas conversas de bastidores o Samir está comprando a IAV e conselheiros com material da 1909 e títulos vitalícios. Quem aceita isso em troca de apoio está condenando o clube a falência."

    Jarbas R. | 18/11, 04h10 | Móvel

    • "Jarbas, será que o Samir não é o próprio portão, inaugurado quando foi eleito?"

      Admir Rosa | 18/11, 09h37 | Móvel

  • Ver todos os comentários (24)

Comente também!

Apenas torcedores cadastrados e verificados podem comentar. faça seu login aqui.

Equipe COXAnautas

Mais colunas de Felipe Rauen

O Blog

O nome “Bola de Couro” serve para revelar a geração do autor, que acompanha o Coritiba desde o tempo em que elas eram efetivamente de couro natural, e não sintéticas como hoje. Além de estar atento ao futebol moderno, especialmente graças à tecnologia que tornou o mundo uma aldeia global, o blog de vez em quando trará algumas reminiscências das tantas glórias de que o Coritiba é coberto e que estão mais na memória de cada um do que em imagens físicas, atendendo também a um nicho da “velha-guarda” de Coxanautas que se manifestou desde a primeira coluna do autor. Mas todos, de qualquer geração, serão bem-vindos a colaborar e criticar em espaço que se pretende democrático.

O Autor

Benedito Felipe Rauen Filho, conhecido como Felipe Rauen, é coxa-branca de terceira geração, pois tanto seu avô como seu pai também o eram. Em parte da infância e da juventude morou na rua Maria Clara, a cem metros do estádio do Coritiba, do qual desde casa sentia o "cheiro". Transferiu residência para o Rio Grande do Sul em 1976, onde iniciou carreira como Juiz de Direito, hoje aposentado. Está aculturado naquele Estado em vários aspectos, mas jamais no futebol, pois não adotou time local e torce somente para o Coritiba. É conhecido em todos os círculos que frequenta em terras gaúchas como coxa-branca, conseguindo que inúmeros amigos gremistas e colorados tenham o Coritiba como segundo time ou pelo menos mostrem por ele simpatia. Desde fevereiro de 2.009 é Cônsul do Coritiba em Porto Alegre. Cardiopata, dá trabalho regular ao cardiologista em razão das emoções vividas com e pelo Coritiba, mas tem certeza de que o coração coxa-branca se manterá forte ainda muito tempo para ver o clube alcançar mais e mais glórias.

Classificação Brasileiro

Atlético-MG 42
São Paulo 41
Flamengo 39
Internacional 37
Palmeiras 37
Santos 37
Fluminense 35
Grêmio 34
Fortaleza 29
10º Corinthians 29
11º A.Paranaense 28
12º Bahia 28
13º Atlético-GO 28
14º Bragantino 26
15º Ceará 26
16º Sport 25
17º Vasco 24
18º Coritiba 20
19º Botafogo 20
20º Goiás 16

Bolão Brasileiro

Melhores Colocados

Jayme G. 198 pts.
Rupson F. 185 pts.
Bruno O. 179 pts.
Luiza Emanuela Oliveira 174 pts.
Anderson85 Anderson85 172 pts.
CARLOS CARLOS 166 pts.
Eden Leão 163 pts.
Walber Gonçalves de Queiroz 162 pts.
Selma R. 159 pts.
10º Adriano Leal 157 pts.
Marcos Kuff 157 pts.
12º Ricardo Honorio 157 pts.
13º Tiago Z. 156 pts.
14º cleverson k. 152 pts.
15º Rafael Minoli 152 pts.
16º Ezequiel B. 151 pts.
17º Andre T. 151 pts.
18º Marco Ferreira 151 pts.
19º Persio F. 150 pts.
20º Luiz R. 150 pts.
21º Valdir T. 150 pts.
22º j. miranda 148 pts.
23º Álvaro M. 147 pts.
24º Valdir 147 pts.
25º Evaldo Maciel 145 pts.
26º Jorge Lopes 145 pts.
27º Dorvalino J. 144 pts.
28º Ido M. F. 144 pts.
29º Sanjiro J. 142 pts.
30º marcos j. 142 pts.

Ver classificação completa

Notícias em Destaque

Veja aqui todas as notícias



Colunistas e Opinião

COXAnautas - com o Coritiba desde 1996

1996-2020 © COXAnautas - Portal da torcida do Coritiba
Desenvolvido por Race Internet