COXAnautas - Coritiba Eternamente

17/07, 09h14 | Falando de Bola | Ricardo Honório Alves

A bipolaridade Alviverde

Após a boa vitória contra o Avaí, pensei: " Vamos ganhar do Fluminense, em com os resultados da rodada ficaremos ali pela sexta ou sétima colocação, grudados no G4.

Após uma sequência de resultados negativos em casa, não acreditava que o Coritiba não tivesse outro resultado contra os cariocas que não fosse a vitória.

Mas, ledo engano, inocentemente eu esquecia que o Coritiba é um time frágil tecnicamente, completamente irregular e que vive de lampejos.

Aliás, ontem, lampejos foi a melhor palavra que me veio a cabeça para definir o que é o Coritiba nestes anos todos. Um time que só tem escapado de mais um rebaixamento a segunda divisão por ter alguns lampejos.

Se não fossem eles, estaríamos aqui falando de jogos contra Paraná Clube, Londrina e Náuticos da vida.

E ontem isso ficou bem claro, como ter a certeza de uma campanha regular, se o elenco é formado por jogadores em que a sua única regularidade são a frequência de suas atuações irregulares.

Vendo os comentários dos leitores do COXAnautas, quem não conhecesse o Coritiba chegaria a achar que jogadores como Neto Berola e Rildo eram os maiores craques de futebol da atualidade, principalmente o primeiro, que fez o técnico Pachequinho ser colocado na cruz por não usá-lo frequentemente.

Mas aí no jogo seguinte, voltamos a triste realidade de atuações irregulares, e Rildo e Neto Berola praticamente não tocaram na bola.

Isso sem falar em Rodrigo Ramos, Walisson Maia, Jonas, Henrique Almeida, entre outros.

Não dá para ter a certeza de uma campanha vitoriosa quando se confia a atuação do time nestes jogadores.

Ontem, cheguei a uma conclusão, o Coritiba é isso aí que vemos ano após ano. Nada mais do que isso. Um time frágil tecnicamente, que vive de alguns lampejos, atuações irregulares, que vai brigar apenas para não cair para a segunda divisão.

Infelizmente, a parte de cima da tabela não combina com este Coritiba.

E apesar de tudo, o time está ali, mais próximo do G6 do que a zona de rebaixamento. Isso pelo menos até o final da duas próximas rodadas, onde enfrentará Ponte Preta e Flamengo fora de casa.

Se ao final da décima - sexta rodada, o time Alviverde ainda estiver mais próximo do G6 do que do Z4, quem sabe aí voltamos a acreditar.

Saudações Alviverdes
Ricardo Honório

+8

Debate

  • "Se a 'diretoria não se auto demite' e conselheiros e associados com direito de voto e que poderiam demiti-la estão nem aí, não será o Pacheco 'subordinado ou não' quem vai dar o exemplo e pular fora por opção própria.
    Ledo engano...! Problema do CFC é de diretoria (causa), o resto é só efeito."

    J. Mario | 18/07, 12h19

  • "Honório, ainda da tempo de corrigir e com esse mesmo elenco chegar a libertadores.. Da sim!! O nível do campeonato e dos times permitem isso acontecer..
    Mas pra isso tem um ingrediente indispensável (ou seria dispensável) que é a imediata demissão do Pacheco para vir alguém que reorganize as coisas como o Carpegiani fez ano passado."

    Fábio F. | 17/07, 23h11

  • "Se correr o bicho pega se não correr o bicho come.
    Realmente, estamos num ponto cego quanto ao futuro do time no brasileiro.

    Ao torcedor, penso, cabe e resta apenas torcer pelo melhor do clube e protestar contra quem na verdade é a única responsável por essas decepções e quebras de expectativas dos torcedores coxas em mais um campeonato brasileiro.

    A 'diretoria'."

    J. Mario | 17/07, 18h20

  • "Ontem na entrevista coletiva ficou claro o quanto o pachequinho é limitado e teimoso. Quando perguntaram se ele era convicto no esquema tático ou se pensava em mudar já que o time ganhou um jogo em nove. Ele respondeu que tem convicção por tudo que a equipe vem jogando(jogando bem segundo ele), mas que por detalhes não vence, ou seja não sabe nem analisar os jogos muito menos tem capacidade de utilizar outro esquema. Ta na hora de trazer um treinador de verdade, o elenco não é uma maravilha mas o treinador precisa ter capacidade de fazer variações taticas e não ficar abracado em um esquema mesmo sucumbindo a cada partida"

    Leandro W. F. | 17/07, 17h43 | Móvel

    • "Eu luva entrevista. Ele encerra com uma pérola inesquecível. Até postei após ler os absurdos. Sinceramente, acho que ele têm algum problema sério. Veja o que disse:

      ”Agora é tirar as coisas positivas desse jogo, que foram muitas, e buscar um novo caminho, uma nova oportunidade de vencer fora, assim como foi contra o Avaí, com inteligência, sabedoria, e mostramos o que somos. Não fomos inferiores em nenhum momento contra o Fluminense.""

      Admir | 18/07, 06h55 | Móvel

    • "Caro Admir;
      Concordo plenamente com o confrade.
      Esse Jumentinho, substima nossa inteligência, com declarações vazias e idiotas.
      Com certeza, se o Grande Coxa, Mauricio Cardoso, que nos deixou ontem, fosse o supervisor, não permitiria que esse estagiário de aprendiz, continuasse a desonrar nossa gloriosa camisa, nos expondo a derrotas vexatórias, em pleno Couto Pereira."

      ALVARO A. | 18/07, 08h51

    • "Pior que as entrevistas dele só as do Marquinho Santos e o "planejamento", tudo estava no planejamento.... kkkkkk"

      Luis Szlanda | 18/07, 20h11

  • "Na minha opinião o Pachequinho está fazendo hora extra no comando, são alguns equívocos em escalações e configurações táticas que monta, que nos fazem duvidar seriamente de sua capacidade como treinador...

    1º Será que só ele percebe que, esse esquema no 4-3-3 só funcionou quando Kléber e Alan Santos estavam em campo, pois com outros jogadores não deu certo uma vez se quer, coincidência ou não parou de funcionar quando Alesionado Santos se contundiu novamente...
    2º Como um treinador que está tomando um vareio no meio campo, do time adversário, pra "resolver o problema" tira mais um do meio e colocando mais um atacante??? Saindo do 4-3-3 para um 4-2-4...
    3º Rodrigo Ramos vem jogando mal, acho que desde que nasceu, mas nas últimas 3 partidas, foi terrível, mesmo na vitória sobre o Avaí, e mesmo assim continua escalando tal jogador??
    4º o principal ponto para mim, a mudança do esquema tático, mesmo o time em 9 partidas ganhando apenas um jogo, o esquema não muda, não tenta uma variação tática com 4 jogadores no meio, porque não tirar um dos pontas, Rildo ou Berola, e colocar o Tomás Bastos, comprovadamente o único jogador que sabe bater na bola nesse elenco?? Reforçando assim nosso meio e criando a possibilidade de alimentar mais e melhor nosso ataque?? Fora a melhora nas cobranças de falta e escanteio, que com Tiago Real e Galdezani beiram o ridículo...

    Essas indagações faço jogo após jogo dessa sequência desastrosa..."

    Carlos Hladii | 17/07, 17h04

  • Ver todos os comentários (37)

Comente também!

Apenas torcedores cadastrados e verificados podem comentar. faça seu login aqui.

Equipe COXAnautas

Mais colunas de Ricardo Honório Alves

O Blog

O Autor

Bolão Brasileiro

Melhores Colocados

Jose R. 276 pts.
Andre T. 272 pts.
Alysson Delalibera 266 pts.
VALCIR J. C. 263 pts.
Marcelo N. 259 pts.
Wagner Cancela 259 pts.
Valdir 257 pts.
Maria N. 256 pts.
João L. 254 pts.
10º Adriano R. 252 pts.
11º Suzana F. 252 pts.
12º Daniel N. 252 pts.
13º Mauricio S. 252 pts.
14º Rosemeire V. 251 pts.
15º Diogo N. 251 pts.
16º douglas n. 251 pts.
José Paulo Macioski 251 pts.
Simone N. 251 pts.
19º Ademir Carlos p. 250 pts.
20º Amos S. 249 pts.
21º vanessa n. 245 pts.
22º Sanderson 244 pts.
23º Franciano S. 243 pts.
24º nancy m. 242 pts.
25º Ailton D. 241 pts.
26º Elizabeth G. 240 pts.
27º Mauro 240 pts.
Thiago L. 240 pts.
29º Rubens J. 240 pts.
30º Jackson M. Jeranoski 238 pts.

Ver classificação completa

Notícias em Destaque

Veja aqui todas as notícias




Colunistas e Opinião

COXAnautas - Coritiba Eternamente

1996-2018 © COXAnautas - Portal da torcida do Coritiba
Desenvolvido por Race Internet