COXAnautas - Coritiba Eternamente

30 DIAS GRÁTIS DO CAMPEONATO PARANAENSE Em parceria com a DAZN, o site COXAnautas está oferecendo 30 dias gratuitos pra você assistir ao campeonato Paranaense de 2020. Clique aqui e faça seu cadastro gratuitamente.

19/01, 20h36 | Falando de Bola | Ricardo Honório Alves

Início com vitória

Foi no apagar das luzes que o Coritiba conseguiu iniciar 2020 com o pé direito (literalmente) de Robson. O gol do vice-artilheiro da temporada passada deu a primeira vitória ao time Alviverde na temporada.

Nas estreias de Eduardo Barroca, Lucas Ramon, Nathan Silva e Gabriel, pouco ainda se viu das idéias do novo treinador, fator natural para o início de temporada. Não se pode nem destacar o grande volume de posse de bola do time Alviverde na partida, característica dos times treinados por Barroca, já que o adversário era fraco e não deve ser utilizado como nível comparativo.

Mas mesmo que o nível do adversário não seja o ideal para um teste de começo de temporada, a vitória conquistada com muito suor foi muito importante para que o técnico possa começar o seu trabalho com tranqüilidade.

Dentro de campo, o principal destaque foi o meia-atacante Rafinha. Com muita vontade, demonstrando até certo nervosismo em alguns momentos, o ídolo da torcida Alviverde foi o grande nome da partida e foi o responsável pela linda jogada que culminou com o gol da virada.

Outro nome importante a ser destacado foi o meia Gabriel, que atuando centralizado jogou com muita tranqüilidade, errando muito pouco na partida. Seu grande lance foi o lindo lançamento para o gol de Guilherme Parede, característica de quem tem visão de jogo e excelente técnica. A sua atuação no jogo de hoje lembrou o futebol que o fez ser considerado uma grande revelação do Bahia.

Vale destacar também os retornos de Matheus Galdezani e Guilherme Parede. O volante entrou bem na partida e deu boas inversões de bola, mostrando que será muito útil na temporada. Já o atacante Guilherme Parede jogou com muita vontade e mostrou oportunismo ao marcar o gol de empate, que recolocou o Coritiba na partida.

Ainda é cedo para dizer onde este time pode chegar. Uma vitória suada contra um adversário fraco poderia ligar as luzes amarelas em sinal de alerta que o elenco precisa ser reforçado. Porém, é somente o primeiro jogo da temporada, o time titular ainda não foi definido e vários jogadores irão estrear e outros irão chegar.

O grande teste neste início de temporada será o jogo contra o Manaus pela primeira fase da Copa do Brasil. Até lá, o máximo que iremos ver serão testes e ajustes do técnico Eduardo Barroca em busca do seu time titular.


Saudações Alviverdes
Ricardo Honório

Debate

  • "#atequandoaguentaremosthiagolopes"

    Marco Ferreira | 21/01, 02h24 | Móvel

  • "Uma porcentagem significativa da venda do Yan Couto precisaria ser investida na estrutura de fisiologia.
    Há anos a fisiologia do Coritiba é responsável por vários problemas físicos: lesões, desempenho e recuperação. Lembro de uma reportagem no CT onde mostrava uma banheira coletiva de gelo, e sinceramente isso é coisa de time de série B.
    Ano passado o time titular do Flamengo jogou praticamente a temporada inteira, e coloque como "agravante" o estilo de jogo agressivo do Jorge Jesus. O Corinthians campeão brasileiro de 2017 não era um primor técnico, mas ganhava os jogos na tática e parte física.
    Estes times tem uma estrutura de fisiologia de primeira linha, e o resultado é praticamente instântaneo. Muitos times da Europa e todos os times da NFL usam uma maquina de crioterapia.

    https://globoesporte.globo.com/eu-atleta/noticia/crioterapia-os-pros-e-os-contras-do-tratamento-depois-do-exercicio-fisico.ghtml

    Claro que este tipo de equipamento precisa vir acompanhando de uma estrutura completa para assim gerar um protocolo de recuperação eficaz.
    O estilo de jogo do Barroca irá exigir muito da parte física e para que o sistema tático funcione, os jogadores precisam entregar alto nível de desempenho nos jogos.
    Podemos não ter os jogadores mais talentosos e caros do Brasil, mas podemos surpreender os adversários mais qualificados, se nossos jogadores estiverem melhor condicionados a ponto de entregar alto desempenho nos 90 minutos das partidas."

    C. Lima | 20/01, 16h04 | Móvel

    • "- Verdade, o time da baixada também investe bastante nesse tipo de estrutura, os caras voam em campo!"

      Vitor A. | 20/01, 18h30

    • "Na maior parte eles ganham partidas por conta do desempenho físico, geralmente decidindo o jogo no segundo tempo. Tiveram talentos pontuais e um técnico arrojado que conseguiu fazer os medianos renderem acima da média. Basta notar que alguns que saíram com cartaz de craque, não renderam em outros clubes (exemplo:Pablo no SPFC).
      A pré temporada deles também é bem estruturada.
      O Coritiba não deve ter vergonha ou receio de copiar os que atingiram resultados expressivos."

      C. Lima | 20/01, 18h47 | Móvel

    • "eu concordo..vários campeonatos tivemos o Coxa caindo pelas tabelas na parte preparatória e os demais muito mais preparados...precisamos evoluir muito nessa parte..."

      Sandro S. | 20/01, 19h04

    • "Verdade seja dita: os poodles estão na nossa frente em tudo!!! Temos que correr atras do prejuízo!"

      Henrique J. | 21/01, 00h03

    • "Esse comentário tinha que chegar na diretoria, né? Sem nenhuma dúvida você tem toda a razão."

      Anderson Duarte S. | 22/01, 11h54

  • Ver todos os comentários (41)

Comente também!

Apenas torcedores cadastrados e verificados podem comentar. faça seu login aqui.

Equipe COXAnautas

Mais colunas de Ricardo Honório Alves

O Blog

O Blog "Falando de Bola" é comandado pelo estudioso do futebol Ricardo Honório e visa abordar tudo que envolve o mundo da bola, focando, claro, no Coritiba. Adversários, tendências do futebol atual, táticas, mercado da bola, futebol internacional e tudo que estiver ligado ao tema você encontrará nesse espaço, que tem o objetivo de ser uma verdadeira "arquibancada virtual", onde o assunto é sempre ela: a bola.

O Autor

Ricardo Alexandre Honório Alves, mais conhecido como Ricardo Honório, 42 anos, funcionário público federal. Coxa-Branca desde 1975, tem como maior ídolo o craque Tostão, maior jogador que viu jogar com a camisa Coxa. Louco por futebol desde criança, tinha como hobby colecionar figurinhas e a Revista Placar, além da leitura diária de jornais esportivos. Com isso desenvolveu o gosto por acompanhar tudo que envolvia futebol e não apenas o Coritiba, o que o tornou Colunista do COXAnautas desde 2005, convidado pelo amigo Luiz Betenheuser, sendo o responsável pelas informações não só do Coritiba, como principalmente dos adversários do Verdão.

Classificação Paranaense

Coritiba 17
FC Cascavel 17
A.Paranaense 16
Operário 16
Londrina 14
Rio Branco 13
Paraná 9
Cianorte 9
Cascavel 7
10º Toledo 5
11º União 5
12º PSTC 4

Bolão Paranaense

Melhores Colocados

Alysson Delalibera 47 pts.
Hedy G. 46 pts.
Jackson M. Jeranoski 45 pts.
Mauro S. 45 pts.
Leandro Carlos 45 pts.
Ido Martini N. 44 pts.
Jayme G. 44 pts.
Valdir T. 43 pts.
Ézio Ricardo 42 pts.
10º Ricardo Honorio 42 pts.
11º CARLOS CARLOS 41 pts.
12º Ademir Carlos p. 41 pts.
13º Rubens Junior 40 pts.
Rafael F. 40 pts.
15º Luiza Oliveira 40 pts.
16º Jorge Ihon J. 39 pts.
ERLEI R. 39 pts.
18º Jorge H. 39 pts.
19º adonias rosa 38 pts.
20º Luiz Bueno Franco 38 pts.
21º Marcos Kuff 38 pts.
22º Emerson T. 37 pts.
23º Valdecir R. 37 pts.
j. miranda 37 pts.
25º T. Filus 37 pts.
26º D. Medeiros 37 pts.
27º Mariana T. 36 pts.
Rony A. Stacoviaki S. 36 pts.
29º Ido M. F. 36 pts.
30º Luis Henrique 35 pts.

Ver classificação completa

Notícias em Destaque

Veja aqui todas as notícias

TV COXAnautas

Quem vai pagar a conta?

Coritiba eliminado da Copa do Brasil. Prejuízo enorme e a pergunta que fica é: Quem vai pagar a conta?

Clique para assistir

Goleada: Estamos Prontos?

Após a goleada, o Coxa está pronto pra Copa do Brasil?

Clique para assistir

Colunistas e Opinião

COXAnautas - Coritiba Eternamente

1996-2020 © COXAnautas - Portal da torcida do Coritiba
Desenvolvido por Race Internet