COXAnautas - com o Coritiba desde 1996

10/09, 07h49 | Falando de Bola | Ricardo Honório Alves

Um time que perde para ele mesmo!

Não é difícil entender o porquê de torcer para o Coritiba ser um martírio na grande maioria das vezes. Para o torcedor desavisado, basta assistir ao “vt” da partida contra o Goiás, que tudo ficará esclarecido.

Assistindo até o pênalti infantil cometido pelo William Matheus, a impressão que se tinha era de que o Coritiba era um dos grandes times do campeonato. Tocava a bola com qualidade, transições rápidas, eficiência ofensiva e segurança defensiva. Até a sorte apareceu quando, sem querer, o próprio lateral William Matheus fez um gol no erro do goleiro Tadeu. Era surreal ver o Coritiba jogando bem e ganhando por dois de diferença.

Mas aí começaram as famosas “coxices”. Primeiro o pênalti já mencionado. Não pode um jogador profissional de futebol subir em uma disputa de bola com os braços abertos. Isso chama-se falta de concentração. Aí veio a bizarra expulsão de Rodolfo Filemon, que prejudicou sensivelmente o time e ressuscitou o Goiás, que estava morto em campo e completamente dominado.

A expulsão aconteceu de forma inacreditável. Como é possível em época de VAR, um jogador agredir o adversário e achar que passará impune. E isso que não foi preciso nem do recurso eletrônico para que o juiz expulsasse o jogador Coxa-Branca. A olhos nus foi visível o “coice” de Filemon em Rafael Moura.

Veio o segundo tempo, e com um jogador a menos o Coxa se segurou bem até os 36 minutos, quando em troca de passes o chileno Jara empatou a partida. E como desgraça pouca é bobagem, Sabino, o melhor jogador do Coritiba no campeonato fez um gol contra, após furada de Rhodolfo.

Quiseram ainda os Deuses do Futebol amenizar o sofrimento da torcida Coxa com um pênalti no final da partida, convertido por Sabino.

O empate, já no apagar das luzes, não é para ser comemorado, pelo contrário. Ontem, o Coritiba perdeu uma grande oportunidade de conquistar três pontos em um confronto direto, pontos esses que podem fazer muita falta lá na frente.

E o desavisado torcedor que assistiu ao replay da partida, entendeu perfeitamente o sofrimento que é torcer pelo Coritiba, um time que perde para ele mesmo!



A ridícula agressão de Rodolfo Filemon, que ocasionou a sua expulsão, não prejudicou apenas o Coritiba. Prejudicou também o jogador. Ali, o contestado zagueiro perdeu uma grande oportunidade de se firmar definitivamente no time.

A opção de Jorginho por Filemon para iniciar a partida, mesmo com Rhodolfo estando recuperado, mostrava que o treinador confiava nele. Com o Coritiba em vantagem no placar, bastava que Filemon fizesse o “feijão com arroz” para que pudesse se firmar no time, e quem sabe, chegar ao Atletiba do próximo sábado como titular da equipe e cada vez mais presente no onze que inicia as partidas.

Mas não, o jogador mostrando ser completamente desprovido de cérebro, vai lá e dá um “coice” em Rafael Moura e consegue ser expulso em uma jogada totalmente sem sentido, jogando fora uma grande oportunidade em sua vida.

Saudações Alviverdes
Ricardo Honório

Debate

  • "Sendo sincero?
    O maior “coice” na torcida alviverde é ver essa herança maldita do Pastana, o tal Rodolfo Filemon, ainda ser titular no time, com Rodholfo no banco.
    Deu no que deu e se Jorginho se tocar, também já deu para o Filemon “pokemon”!"

    Roberto L. F. Pereira | 12/09, 16h08 | Móvel

  • "Em outros tempos, com diretores sérios e profissionais Ex: Hélio Alves ou Vialle, esse jogador e o Yan Sasse, teriam seus contratos reincididos no vestiário."

    E. Zavadzki | 12/09, 11h39

    • "Caro Zavadzki...certamente eu teria demitido esse Filemon no vestiário...entretanto, devo lembrar que existe um contrato e as falhas no exercício de suas funções não pode sobrepor cláusulas contratuais. Mas certamente eu teria uma medida enérgica com um irresponsável desse que prejudica um time que está tentando sobreviver em um campeonato tão difícil para nós.
      Já o caso do Sr. Yan Sasse, trata-se de um garoto da base que raramente teve sua chance no clube. Sei que não justifica mas eu teria mais paciência com o rapaz. Chamaria a atenção junto com o defensor, claro. Não é um craque mas é um bom ativo do clube e merece ser prestigiado e tentar uma valorização no futuro. Também se surgir qualquer oferta de "milão", vende...e vende rápido pois o guri já provou que não é titular por aqui!"

      Gilberto Marecos | 23/09, 10h13

  • "Disse tudo. O torcedor do Coritiba passa o jogo com medo. Não importa se está ganhando ou jogando melhor. Parece uma maldição. E parece ainda que tudo tem que ocorrer com requintes de crueldade ."

    L. Eduardo B. | 11/09, 10h50 | Móvel

  • "Códices....boa....a próxima será no Atletiba....quem será o autor dentro de campo da códice...boa Onorio"

    Luiz Bueno Franco | 11/09, 02h31 | Móvel

  • Ver todos os comentários (37)

Comente também!

Apenas torcedores cadastrados e verificados podem comentar. faça seu login aqui.

Equipe COXAnautas

Mais colunas de Ricardo Honório Alves

O Blog

O Blog "Falando de Bola" é comandado pelo estudioso do futebol Ricardo Honório e visa abordar tudo que envolve o mundo da bola, focando, claro, no Coritiba. Adversários, tendências do futebol atual, táticas, mercado da bola, futebol internacional e tudo que estiver ligado ao tema você encontrará nesse espaço, que tem o objetivo de ser uma verdadeira "arquibancada virtual", onde o assunto é sempre ela: a bola.

O Autor

Ricardo Alexandre Honório Alves, mais conhecido como Ricardo Honório, funcionário público federal. Coxa-Branca desde 1975, tem como maior ídolo o craque Tostão, maior jogador que viu jogar com a camisa Coxa. Louco por futebol desde criança, tinha como hobby colecionar figurinhas e a Revista Placar, além da leitura diária de jornais esportivos. Com isso desenvolveu o gosto por acompanhar tudo que envolvia futebol e não apenas o Coritiba, o que o tornou Colunista do COXAnautas desde 2005, convidado pelo amigo Luiz Betenheuser, sendo o responsável pelas informações não só do Coritiba, como principalmente dos adversários do Verdão.

Classificação Brasileiro

Internacional 35
Flamengo 35
Atlético-MG 32
Fluminense 29
São Paulo 27
Santos 27
Palmeiras 25
Fortaleza 24
Grêmio 24
10º Ceará 22
11º Atlético-GO 22
12º Sport 21
13º Corinthians 21
14º Bahia 19
15º Bragantino 19
16º Botafogo 19
17º Vasco 18
18º A.Paranaense 16
19º Coritiba 16
20º Goiás 11

Bolão Brasileiro

Melhores Colocados

Jayme G. 154 pts.
Bruno O. 140 pts.
CARLOS CARLOS 136 pts.
Luiza Emanuela Oliveira 136 pts.
Eden Leão 132 pts.
Rupson F. 132 pts.
Rafael Minoli 129 pts.
Anderson85 Anderson85 127 pts.
Selma R. 127 pts.
10º cleverson k. 124 pts.
11º Marcos Kuff 124 pts.
12º Ricardo Honorio 124 pts.
13º Persio F. 121 pts.
14º Walber Gonçalves de Queiroz 120 pts.
Valdir T. 120 pts.
16º Giovanne Smaniotto 119 pts.
j. miranda 119 pts.
18º Álvaro M. 119 pts.
19º Sanjiro J. 118 pts.
20º Adriano Leal 116 pts.
21º Marco Ferreira 116 pts.
22º Ezequiel B. 115 pts.
23º Tiago Z. 115 pts.
24º Evaldo Maciel 114 pts.
25º Waldir J. 113 pts.
Adilson P. 113 pts.
27º MARCELO ARAUJO 113 pts.
28º Johnny F. 112 pts.
Ailton Batista Vieira Filho 112 pts.
30º Dorvalino J. 112 pts.

Ver classificação completa

Notícias em Destaque

Veja aqui todas as notícias

Anuncie sua empresa aqui a partir de R$9,90 mensais!

Comparação com mais de 30 bookmakers!

Encontre o melhor bookie para apostadores brasileiros em casa-de-apostas.com.

 



Colunistas e Opinião

COXAnautas - com o Coritiba desde 1996

1996-2020 © COXAnautas - Portal da torcida do Coritiba
Desenvolvido por Race Internet