COXAnautas - Coritiba Eternamente

30 DIAS GRÁTIS DO CAMPEONATO PARANAENSE Em parceria com a DAZN, o site COXAnautas está oferecendo 30 dias gratuitos pra você assistir ao campeonato Paranaense de 2020. Clique aqui e faça seu cadastro gratuitamente.

31/03/15, 15h10 | Recanto Alviverde | Cláudio Réus

País do Futebol... Mas que país é esse?

No meio da semana assisti a um clássico do futebol paulista de muita correria, nervos à flor da pele, expulsão, um golaço do ex-Coxa Branca Robinho e este foi elevado à condição de craque.

Aqui na terrinha, a "companhia maior de estrelas" foi fazer a pré-temporada na Europa, deixando o campeonato paranaense que "não vale pra nada" para segundo plano.

Por muito tempo, a seleção brasileira conquistou vitórias e títulos muito por conta de jogadores decisivos, oxigenando farsas como Zagallo, Parreira e Felipão. Seleções sem esquemas táticos definidos, sem treinamento e que, quando os ídolos falhavam ou se ausentavam, invariavelmente ocorriam fracassos. Os exemplos mais recentes: Alemanha 7x1 Brasil e Holanda 3x0 Brasil sem Neymar.

No paulista, o Corinthians apesar da mídia que envolve esse clube e com o excelente e excêntrico técnico, vai comendo pelas beiradas. É hoje o time mais forte do Brasil. Enquanto isso o badalado Palmeiras perdeu no final de semana para o tal de RB Brasil, e Robinho foi substituído com uma atuação pífia.

A seleção Brasileira deixou de lado o "oba oba", a frescura de família disso ou daquilo, discursos motivacionais mentirosos. Dunga vai dando forma tática com jogadores mais eficientes e menos badalados. Sabemos que o caminho é longo, mas é o mais correto. Falta cair a ficha do craque Neymar.

Aqui na terrinha, a verdade veio de forma dura, no entanto justa.

Marquinhos Santos teve tempo de trabalhar o elenco, deve saber, assim como os torcedores, as limitações, deve saber que falta um jogador no meio, de ligação. No entanto, a estrutura tática está montada, variações foram testadas. No meu ponto de vista, temos um time forte, não o suficiente para desprezarmos o risco de rebaixamento no campeonato brasileiro, mas o caminho da evolução está bem traçado.

O time das estrelas, que foi fazer a pré-temporada na Europa vai lutar para não ser rebaixado no campeonato paranaense, momento histórico! O mico do século foi consolidado com a nota oficial no site do clube.

Temos o dever de apresentar nossa vergonha e desculpas, ao mesmo tempo nossa solidariedade ao sofrimento, à tristeza, autoestima rebaixada, que toma conta de todos nós atleticanos neste momento. Assumimos nossa culpa e responsabilidade perante os maus resultados no Campeonato Paranaense.

É certo, estamos muito feridos no corpo e na alma, mas não feridos à morte. Então, temos soluções. O avião não cai por uma única causa, há sempre múltiplos motivos para o acidente de queda. Fizemos nossa análise crítica e não identificamos razões suficientes claras para esta queda, pois, com praticamente o mesmo grupo de jogadores de 2014, quando enfrentamos adversários muitos mais qualificados no Campeonato Brasileiro, chegamos entre os 8 melhores!


Castigo justo, não para totalidade de seus torcedores, justo para os arrogantes que cospem no prato que comeram. Para os ignorantes que preferem prejudicar o planejamento em troca de politicagem rasteira.

O campeonato paranaense deve continuar, mas, para isso, muita coisa tem que mudar para que seja rentável. Espero que o rival tenha aprendido a lição e que em 2016, em que pese à reeleição do novo coronel do futebol, tenhamos um campeonato paranaense melhor.

+0

Debate

Comente também!

Apenas torcedores cadastrados e verificados podem comentar. faça seu login aqui.

Equipe COXAnautas

O Blog

Desde a década de 1970, tenho o hábito saudável, assim como a maioria dos torcedores, de nunca assistir os jogos do Verdão sozinho. Eu tenho tido a sorte da maioria absoluta dos jogos, ter assistido ao lado de amigos torcedores que entendem muito de futebol e principalmente entendem de Coritiba. No dia 31 de julho de 1985, não pude ir ao Maracanã e de maneira improvisada iniciamos naquele dia o nosso .recanto Alviverde.. Num mutirão de ultima hora reunimos trinta cadeiras, uma bancada alta e um aparelho de TV. Todos muito aflitos, xingamos, torcemos, vibramos e explodimos em alegria na cobrança do pênalti de Gomes. Hoje, a TV deu lugar a um telão, as cadeiras ganharam a companhia de bancos e sofás. As paredes falam através das fotos de tantos e tantos amigos que por aqui passaram. O "Recanto Alviverde" é isso: Interação, intercambio, troca de experiência, tudo com muita emoção; antes, durante e depois dos jogos do Coritiba, o nosso Verdão Coxa Branca.

O Autor

Cláudio Adalberto Réus, ou apenas Cláudio Réus, ou simplesmente RÉUS. Nascido em Santa Catarina, torcedor Coxa antes mesmo de conhecer o time do Coritiba e o Belfort Duarte. À distância, acompanhou as transmissões de Lombardi Junior através a radio Clubeo B2. Mudou para Curitiba em 1973, desde então assíduo frequentador do Belfort Duarte e Major Antônio Couto Pereira. Sócio desde 1987 ajudou a fundar o movimento CORIAÇÃO. Entende que o maior patrimônio de um clube de futebol é a torcida. Desde que a torcida seja participativa. Aderindo aos planos de sócio, indo aos jogos, incentivando, criticando. Criticas com conhecimento, sabedoria e humildade.

Bolão Brasileiro

Melhores Colocados

Notícias em Destaque

Veja aqui todas as notícias

Anuncie sua empresa aqui a partir de R$9,90 mensais!

Comparação com mais de 30 bookmakers!

Encontre o melhor bookie para apostadores brasileiros em casa-de-apostas.com.

 

Colunistas e Opinião

COXAnautas - Coritiba Eternamente

1996-2020 © COXAnautas - Portal da torcida do Coritiba
Desenvolvido por Race Internet