COXAnautas - Coritiba Eternamente

06/02, 15h22 | Bola de Couro | Felipe Rauen

Um pedaço de nós.

Perdemos hoje o Jairo, sem dúvida o maior goleiro da história do Coritiba. E com a perda dele se foi um pedaço da nossa gloriosa história de tempos que parecem não querer voltar.

Nosso site já apresentou as estatísticas de sua passagem pelo nosso clube, as quais não deixam dúvida sobre quem foi o Jairo. Seis vezes campeão paranaense, campeão do Torneio do Povo e campeão brasileiro e o goleiro que mais jogou em nosso clube. Fez história também no Corinthians, onde foi duas vezes campeão, passou pelo Náutico e América Mineiro e Seleção Brasileira, mas foi no Coritiba que fincou e deixou as suas raízes e se tornou um dos nomes mais lembrados e queridos dos torcedores que viveram os tempos em que alcançamos as nossas maiores glórias.

Lembro bem da primeira vez em que vi o Jairo jogar. Foi em um atletiba em 1973. Vencemos o rival no Couto Pereira – na época ainda denominado Belfort Duarte - não recordo se por 2 x 0 ou 1 x 0, partida em que o Atlético jogou muito, especialmente pelo Sicupira. Eu estava na curva dos fundos, bem atrás do gol, quando fiquei maravilhado com aquele jovem e gigantesco goleiro que, como se diz, “pegou tudo”. A partir de então fiquei seu admirador, tanto pelo bom futebol como pela sua conduta pessoal, discreta, educada, e que sempre respeitou ao clube onde se destacou.

A história do Coritiba nunca será bem contada se a narrativa não tiver como protagonista o Jairo, o maior goleiro que tivemos, pensamento que sempre externei e que não está tocado pelo sentimentalismo do momento. A propósito, não me tomem por piegas, mas com sinceridade confesso que senti um nó na garganta ao tomar conhecimento da notícia.

Com o Jairo se vai um pedaço de todos nós, um pedaço do tempo glorioso do Coritiba. Parafraseando a música do Sérgio Bittencourt, diria: - “Naquele campo está faltando ele, e a saudade dele está doendo em mim”.

Adeus, Jairo, tenha certeza de que você nunca será esquecido.

Debate

  • "Dr.Rauen! Tive o prazer de ver muitas partidas de nosso maior e melhor goleiro na minha opinião. Não lembro de alguma falha em algum gol tomado e fazendo a memória funcionar. Lembro que na época de sua estréia, foi com a seleção do antigo Zaire o qual empatamos em 3 a 3. Nessa partida não fui, mas comentários foram que falhou muito. Mas depois foi aquela muralha. Abraços. SAV"

    CLAUDIO B. | 07/02, 08h47 | Móvel

  • "Doutor Rauen, esse nó na garganta e essa emoção embargada também eu tive hoje. Para mim, Jairo é o maior, digo isso sem menosprezar todos os outros guarda-redes que tivemos, que brilharam o quanto puderam, mas nenhum deles mais que o Gigante de Ébano. Nossos ídolos estão se retirando do palco da vida e ninguém assume ( talvez por não terem a capacidade, o que não duvido) o papel daqueles que nos deram tantas alegrias !"

    Jorge Junior | 07/02, 00h06

  • "Merecida homenagem!!!!! Pouco vi ele jogar pq o período dele é de quando eu, muito menino, comecei a frequentar o estádio. Mas a minha última lembrança dele é no primeiro jogo da semifinal de 1985, num 1x0 sobre o Atlético Mineiro aqui no Couto. R I P Jairo!!!!"

    Marcus C. | 06/02, 22h16

  • "Dia 15/01 perdemos Célio Maciel, hoje foi o Jairão. Grandes nomes na nossa história passada. Muita tristeza na Nação Coxa. Que Deus conforte a família dele. Obrigado aos dois goleiraços pois tive o prazer de vê-los jogar."

    SIDNEI P. | 06/02, 20h42 | Móvel

    • "Sidnei eu acrescentaria nesta lista o Tião Abatia que nos deixou semana passada. Que Deus conforte seus familiares."

      J. Gabardo | 06/02, 22h08 | Móvel

    • "Creio que o Tião Abatiá faleceu em 2016. Segue a referência:
      https://terceirotempo.bol.uol.com.br/que-fim-levou/tiao-abatia-3292


      Talvez o colega esteja se referindo ao goleirão Célio, que se foi há cerca de 2 semanas, no dia 15/01. Fonte: https://coxanautas.com.br/noticia/especial/morre-celio-maciel/ .

      Saudações Coxa-brancas, e meus sentimentos às famílias."

      Samir Michel | 07/02, 00h14

  • Ver todos os comentários (12)

Comente também!

Apenas torcedores cadastrados e verificados podem comentar. faça seu login aqui.

Equipe COXAnautas

Mais colunas de Felipe Rauen

O Blog

O nome “Bola de Couro” serve para revelar a geração do autor, que acompanha o Coritiba desde o tempo em que elas eram efetivamente de couro natural, e não sintéticas como hoje. Além de estar atento ao futebol moderno, especialmente graças à tecnologia que tornou o mundo uma aldeia global, o blog de vez em quando trará algumas reminiscências das tantas glórias de que o Coritiba é coberto e que estão mais na memória de cada um do que em imagens físicas, atendendo também a um nicho da “velha-guarda” de Coxanautas que se manifestou desde a primeira coluna do autor. Mas todos, de qualquer geração, serão bem-vindos a colaborar e criticar em espaço que se pretende democrático.

O Autor

Benedito Felipe Rauen Filho, conhecido como Felipe Rauen, é coxa-branca de terceira geração, pois tanto seu avô como seu pai também o eram. Em parte da infância e da juventude morou na rua Maria Clara, a cem metros do estádio do Coritiba, do qual desde casa sentia o "cheiro". Transferiu residência para o Rio Grande do Sul em 1976, onde iniciou carreira como Juiz de Direito, hoje aposentado. Está aculturado naquele Estado em vários aspectos, mas jamais no futebol, pois não adotou time local e torce somente para o Coritiba. É conhecido em todos os círculos que frequenta em terras gaúchas como coxa-branca, conseguindo que inúmeros amigos gremistas e colorados tenham o Coritiba como segundo time ou pelo menos mostrem por ele simpatia. Desde fevereiro de 2.009 é Cônsul do Coritiba em Porto Alegre. Cardiopata, dá trabalho regular ao cardiologista em razão das emoções vividas com e pelo Coritiba, mas tem certeza de que o coração coxa-branca se manterá forte ainda muito tempo para ver o clube alcançar mais e mais glórias.

Classificação Brasileiro 2019

Bragantino 20
Ponte Preta 19
Paraná 19
Atlético-GO 18
Botafogo-SP 17
Londrina 17
Figueirense 17
Sport 17
Coritiba 15
10º CRB 13
11º Operário 13
12º Brasil de Pelotas 12
13º Cuiabá 12
14º Criciúma 12
15º Oeste 12
16º Vila Nova 11
17º São Bento 8
18º Vitória 7
19º Guarani 6
20º América-MG 6

Bolão Brasileiro

Melhores Colocados

Marcelo Carneiro 92 pts.
Ido M. F. 87 pts.
Hedy G. 86 pts.
Leandro R. 85 pts.
Antonio Alvaredo Filho 84 pts.
Wellingtton Wellingtton 82 pts.
Leonel S. 81 pts.
João L. 80 pts.
Vinicios A. 79 pts.
Dorvalino J. 79 pts.
11º Luis Henrique R. 79 pts.
12º Sanderson 78 pts.
Alysson Delalibera 78 pts.
14º Valdir T. 78 pts.
15º Robson R. 77 pts.
16º andre a. 77 pts.
17º Jose R. 76 pts.
18º L. Comeli 76 pts.
Aramis Vieira 76 pts.
20º C. Nunes 75 pts.
21º Juarez Mocelin 75 pts.
Walber Gonçalves de Queiroz 75 pts.
23º Jobson Emanoel 74 pts.
24º Rodrigo P. 74 pts.
25º Arno Ombrellino 73 pts.
26º Valdir 72 pts.
27º Johney S. 72 pts.
28º Andre T. 72 pts.
Julio C. R. 72 pts.
Jose Carlos R. 72 pts.

Ver classificação completa

Notícias em Destaque

Veja aqui todas as notícias



Líderes do bolão:
1º Marcelo Carneiro
2º Ido M. F.
3º Hedy G.
4º Leandro R.
5º Antonio Alvaredo Filho

(os 5 primeiros ganharão uma camisa oficial do Coritiba)

Colunistas e Opinião

COXAnautas - Coritiba Eternamente

1996-2019 © COXAnautas - Portal da torcida do Coritiba
Desenvolvido por Race Internet