COXAnautas - Coritiba Eternamente

11/09, 09h00 | Falando de Bola | Ricardo Honório Alves

Torcedor virou palhaço - Parte II

Ontem ao ler mais uma daquelas cartas emitidas pela diretoria do Coritiba aos sócios cheguei à conclusão de que realmente acham que o torcedor é palhaço.

Acreditar que o Coritiba irá conseguir o acesso à Série A é obrigação da diretoria. Mesmo que internamente achem que com este time o acesso é praticamente impossível, seria a confirmação da incompetência diretiva passar ao torcedor a impressão de que a toalha já foi jogada. Porém, ao escrever os motivos que os levam a acreditar no acesso Alviverde, a diretoria passa definitivamente dois recibos ao torcedor: o de viver no mundo da lua e o outro de achar que o torcedor é palhaço ao acreditar no mundo de fantasias criado pela diretoria.

Enquanto a matemática permitir seguirei achando que o acesso é possível, principalmente pela mediocridade dos times que disputam a Série B. O problema é que o Coritiba consegue ser mais medíocre do que muito dos medíocres times que estão disputando a segunda divisão. E assim, o sonho do retorno vai se tornando cada vez mais impossível a cada rodada que passa.

Soma-se a mediocridade toda que assolou o clube o fato da diretoria, que tanto prometeu nas épocas de eleição, estar completamente perdida. E o rumo que o futebol do clube tomou, prova isso.

A efetivação do Tcheco é mais um daqueles erros que trarão um enorme prejuízo no futuro. Não se discute o passado dele como jogador do clube, o qual sempre honrou a camisa, mas como treinador, Tcheco é apenas mais do mesmo. Está aí desde o começo do ano, ajudou na montagem do time, foi auxiliar técnico, e quando assumiu a equipe não conseguiu fazer ela jogar bola. O time vem mostrando a mesma coisa que vinha na época de Sandro Forner e Eduardo Baptista.

Na “cartinha”, Samir Namur fala sobre a liderança que Tcheco exerce sobre o grupo de jogadores, mas pelo que vimos nos jogos que ele comandou até agora, desde que foi efetivado, essa liderança não consegue fazer com que jogadores medíocres como Abner, Simião, Jean Carlos, Pablo, Vinícius Kiss, Bruno Moraes, entre outros, consigam jogar bola.

Aliás, o erro na efetivação de Tcheco pode ser medido com suas escalações. É inadmissível que o treinador continue escalando um monte de cabeças de bagre na equipe. E pior, mantendo-os partida a partida.

Além da escalação de jogadores fracos, relegou a segundo plano alguns dos tão decantados “Meninos do Couto”, como Julio Rusch, Yan Sasse e Nathan, que definitivamente não são piores do que Simião, Jean Carlos e Pablo. Esta medida vem em desencontro a filosofia da diretoria, que era valorizar as categorias de base.

E quanto a Pelaipe? O que leva um presidente, que passou a gestão inteira até agora sem um diretor de futebol, achar que um cara que chegou agora ao clube, em um momento de intensa pressão, vai ser um dos responsáveis por levar o clube de volta para a Série A, sendo que todos sabemos que o Coritiba realmente precisava era de um técnico e de jogadores qualificados.
Diretor de futebol não entra em campo. E neste futebol “Nutella” de hoje, se pegar muito no pé dos mimados jogadores, é capaz das coisas desandarem ainda mais.

Assim, em um festival de erros, equívocos, teimosias, o Coritiba vai caminhando rumo a mais uma temporada na Série B, o que trará um prejuízo incalculável ao clube, não somente financeiro, mas principalmente de autoestima. A diretoria “Coritiba do Futuro” está conseguindo a proeza de afastar cada vez mais o torcedor Alviverde do seu convívio.

Para finalizar a coluna, transcrevo abaixo um trecho da coluna de Augusto Mafuz, publicada em 11/09/2018:

Quando contratou Paulo Pelaipe para comandar o seu futebol, o G5 do Coritiba pensava em dar um outro rumo ao time para, ainda, salvar a ascensão à primeira divisão. Se Pelaipe já fez alguma coisa, ninguém sabe. Sabe-se que o mais importante, que exigia solução imediata, não fez: mudar o comando técnico. Ao contrário, manteve Tcheco para retribuir o favor que o técnico lhe prestou ao tirá-lo do desemprego. E, assim, constituiu-se no Couto Pereira um novo “clube de amigos”, do qual o chefe é o empresário Marcelo Lipatin.


O clube irá se manifestar sobre isso?

Saudações Alviverdes
Ricardo Honório

Debate

  • "Já viramos o circo inteiro só falta pegar fogo pra piorar e acabar de vez com os espetáculos de horrores!!!"

    André Abreu Dittrich | 17/09, 09h56

  • "deu nome aos bois, parabéns Honório, esperávamos um posicionamento do site, e você fez"

    Tiago C. | 14/09, 15h38

  • "Outro ponto. As eleições no Coritiba têm sido rigorosa e absolutamente ruins para a saúde da empresa. Os resultados têm produzidos diretorias com enormes dificuldades de gestão financeira, e de execução de projetos. Temo pelo Coritiba se continuar com esta postura de eleições e democracia. O comando tem de ser firme e enfrentar o rojão. E o Coritiba de hoje é uma gigantesca encrenca financeira, com estrondoso desafio de administração. As eleições têm sido muito ruins para a empresa. Este caminho pode conduzir o Coritiba à insolvência total e final. Necessário refletir sobre a conveniência de manter as eleições como forma de montar a diretoria."

    João B. | 14/09, 01h21

  • "Espero que, pelo menos, os direitos dos contratados estejam sendo pagos integral, rigorosa e pontualmente no momento certo. No mais, o elenco tenta fazer o melhor. Com relação aos resultados, o elenco está dando tudo que tem para dar."

    João B. | 14/09, 01h13

  • "O time é nojento de ruim!
    Triste saber que o atual momento do Coritiba é uma triste vergonha em sua história vitoriosa.
    Pelo jeito, "cartinhas" deve ser o orincipal fato do G5, pois futebol está relegaso para "terceiro plano".
    Trazer Paulo Pelaipe, pagar uma grana federal e ele trazer somente um volante?
    Estamos FODIDOS!
    SAV!!!"

    Roberto L. F. Pereira | 13/09, 21h00 | Móvel

  • Ver todos os comentários (75)

Comente também!

Apenas torcedores cadastrados e verificados podem comentar. faça seu login aqui.

Equipe COXAnautas

Mais colunas de Ricardo Honório Alves

O Blog

O Autor

Classificação Brasileiro 2018

Fortaleza 71
CSA 62
Avaí 61
Goiás 60
Ponte Preta 60
Atlético-GO 59
Vila Nova 57
Londrina 55
Guarani 54
10º Coritiba 52
11º Brasil de Pelotas 50
12º CRB 48
13º São Bento 47
14º Criciúma 47
15º Figueirense 46
16º Oeste 46
17º Paysandu 43
18º Sampaio Corrêa 38
19º Juventude 35
20º Boa Esporte 30

Bolão Brasileiro

Melhores Colocados

Alysson Delalibera 269 pts.
Cristian C. 262 pts.
Ademir Carlos p. 260 pts.
Lucas G. 256 pts.
José A. Lima 253 pts.
Sanderson 252 pts.
Aramis Vieira 252 pts.
William Richard R. 251 pts.
Luiza O. 250 pts.
10º Rupson F. 249 pts.
11º E. DE S. L. 248 pts.
12º Luiz Rodriguez 246 pts.
13º Johney S. 244 pts.
Leandro R. 244 pts.
15º Ricardo T. 243 pts.
16º O. Yossafat 242 pts.
17º Claudio S. 239 pts.
18º Fernando Taschetto 237 pts.
19º André Abreu Dittrich 237 pts.
20º CARLOS AUGUSTO B. 236 pts.
21º Hedy G. 235 pts.
22º Marcos José Kuff 235 pts.
23º M. Castilho 235 pts.
24º André R. 233 pts.
25º Amilton Cesar 233 pts.
26º Bruno H. 232 pts.
27º Mauro S. 231 pts.
28º j. miranda 231 pts.
29º jorge luiz lopes 231 pts.
30º Luis Henrique R. 230 pts.

Ver classificação completa

Notícias em Destaque

Veja aqui todas as notícias



Colunistas e Opinião

COXAnautas - Coritiba Eternamente

1996-2019 © COXAnautas - Portal da torcida do Coritiba
Desenvolvido por Race Internet